Publicidade

Correio Braziliense

Congresso debate inovações na área gastronômica; evento termina hoje

Empreendedorismo e tendências culinárias são debatidas em congresso nacional da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes. Encontro ocorre até esta quinta-feira (15/8), com aulas e palestras que ensinam cortes bovinos, risoto de bacalhau e preparos árabes


postado em 15/08/2019 06:00

(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
Mais do que um lugar para apresentar e discutir ideias do setor gastronômico, o 31º Congresso Nacional Abrasel é palco de inovações que movimentam a economia no Distrito Federal. O evento nacional ocorre nesta semana em Brasília e reúne público de todo o Brasil, com palestras, aulas show e degustações. Rodrigo Freire, presidente regional da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), contou que a capital ganha muito recebendo nomes da culinária e do empreendedorismo. “O congresso é fundamental para consolidar a gastronomia local, e as experiências passadas nele ajudam os chefes locais a se aprimorarem e elevarem o nível dos nossos ambientes de comidas e bebidas”, afirmou.

Buscar fornecer serviços de qualidade também é um ponto citado por Paulo Solmucci, presidente nacional da Abrasel. Para ele, a troca de experiências entre participantes e palestrantes dá perspectivas para enfrentar a crise. “A inovação é essencial para o empreendedorismo, para que a economia de um país ou de uma cidade cresça. Então, é importante levar ao mercado, mesmo que em pequenas empresas de vizinhança, algo que atenda as demandas do consumidor. E, quando estamos em um congresso como esse, ideais que vão movimentar a renda e trazer boas experiências acabam sendo inspirados”, disse.

Na tarde desta quarta-feira (14/8), o evento teve como atração principal a palestra de André Street, fundador da Stone, empresa que trabalha com máquinas de cartão. O palestrante deu dicas de como transformar pequenos negócios em grandes empreendimentos. Para ele, é ideal conhecer o mercado, fornecer atendimento humano e investir em qualidade. “Quando se faz algo com carinho para o cliente e para os funcionários, isso vai se refletir no balanço financeiro. Nunca queiram ter funcionários infelizes, isso não é saudável para ninguém”, explicou. Outro ponto citado na palestra foi a transparência com os compradores de qualquer serviço. “Tenho orgulho de dizer que a minha empresa não vende nenhuma ideia falsa aos clientes. Ser claro nos negócios tem um valor enorme para qualquer marca”, ensinou.

Para os amantes da gastronomia, vale conferir as cozinhas do Iesb. Durante o evento, os espaços utilizados para as aulas viram palco para grandes nomes da gastronomia mostrarem um pouco de conhecimento e talento. Nesta quarta-feira (14/8), Inaiá Sant’Ana, do Quitutices, abordou pensamento global e cozinha local e ensinou o passo a passo do tacu tacu com arroz de pilão kalunga, salsa de pescados e emulsão de moqueca. Ambos representaram a capital com receitas que apresentam tendências do mercado. “É fundamental abrir espaço para a gastronomia voltada para um público com restrições alimentares. É um mercado que cresceu muito e está expandindo”, contou Inaiá.

Nesta quinta-feira (15/8), o público poderá assistir mais aulas e palestras. Como a de Tônico Lichtsztejn, do Cowtainer, que ensina cortes e preparos da costela bovina, às 12h30; a de Renato Carioni, do Cosi, que faz o passo a passo do risoto de bacalhau e abóbora, às 15h; e a de Lídia Nasser, que ocupa a cozinha com preparos árabes, às 16h45. “É uma oportunidade de introduzir a gastronomia árabe e falar um pouco sobre a minha história na gastronomia”, conta Lídia Nasser, chef e proprietária de cinco marcas e sete restaurantes na cidade.

Programe-se

» 31º Congresso Nacional Abrasel — Mesa ao Vivo Brasília

Data: até esta quinta-feira (15/8)

Endereço: Iesb Asa Sul — Câmpus Edson Machado, na SGAS 613/614, lotes 97 e 98

Mais informações: congressoabrasel.com.br

*Assinantes do Correio Braziliense e estudantes têm 50% de desconto

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade