Publicidade

Correio Braziliense

Ex-policial militar expulso da corporação é morto a tiros no Gama

Vítima foi encaminhada ao Hospital Regional do Gama (HRG), mas não resistiu aos ferimentos. A 20ª DP (Gama) investiga o caso


postado em 11/09/2019 16:59 / atualizado em 11/09/2019 17:28

Nove marcas de tiros são visíveis na porta do motorista do carro em que o ex-policial estava(foto: Reprodução/Redes sociais)
Nove marcas de tiros são visíveis na porta do motorista do carro em que o ex-policial estava (foto: Reprodução/Redes sociais)
Um ex-policial militar foi morto a tiros na manhã desta quarta-feira (11/9), na Quadra 10 do Gama. O crime ocorreu por volta de 10h40. Mais de dez disparos foram feitos contra o carro em que estava Rogério Ferreira de Souza, 53 anos, segundo informou a 20ª Delegacia de Polícia (Gama), onde a ocorrência do homicídio foi registrada.
 
O socorro foi realizado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Rogério Ferreira foi encaminhado ao Hospital Regional do Gama (HRG), mas não resistiu aos ferimentos. O ex-policial fazia parte da cavalaria do 9° batalhão da Polícia Militar do DF, mas havia sido excluído da corporação em 2001 após matar um indivíduo em serviço. A polícia acredita que o homicídio possa ter relação com o caso e trabalha com mais de um suspeito.
 
Segundo o delegado Francisco Antônio da Silva, da 20ª DP, ainda não se sabe o número total de disparos feitos contra ex-policial e a perícia está em andamento. O corpo de Rogério Ferreira foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML).

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade