Publicidade

Correio Braziliense

Crianças de centros olímpicos fotografam o Jardim Botânico

Aula prática do curso Fotografe Mais proporciona experiência em meio à natureza a crianças de várias regiões do DF


postado em 12/09/2019 12:22 / atualizado em 12/09/2019 12:22

A ideia do curso é oportunizar aprendizados que vão além das técnicas fotográficas(foto: Camila de Magalhães/FAC/D.A Press)
A ideia do curso é oportunizar aprendizados que vão além das técnicas fotográficas (foto: Camila de Magalhães/FAC/D.A Press)
Uma flor rosa no meio das brancas, o pouso inesperado de um gavião, uma borboleta amarela em contraste com o céu azul. Registros de detalhes como esses foram feitos na quarta-feira (11/9) pelas lentes de cerca de 90 crianças do curso Fotografe Mais 2019, durante aula prática no Jardim Botânico de Brasília.

Os alunos, dos Centros Olímpicos e Paralímpicos de Ceilândia (Parque da Vaquejada e Setor O), Riacho Fundo I, Samambaia, São Sebastião e Sobradinho, tiveram a oportunidade de sair da rotina, viver uma experiência em meio à natureza e exercitar o que aprenderam sobre luz, cores, enquadramento, entre outras técnicas. 

Um dos instrutores do Fotografe Mais, Marcos Sousa, da Fundação Assis Chateaubriand, explica que a ideia do curso é dar oportunidade de aprendizados que vão além das técnicas fotográficas. "Queremos capacitar os pequenos a entender os requisitos básicos da fotografia e encontrar novas possibilidades, vendo coisas diferentes do que estão acostumados no dia a dia." 

A moradora de Samambaia Victória Regina de Sá, 9 anos, ficou feliz com a oportunidade. "Desde pequenininha, eu gosto muito de fotografia. Agora estou descobrindo como registrar coisas bem legais do mundo", observou.

Para Davi Rodson, 11, aluno da unidade de Parque da Vaquejada, a primeira visita ao Jardim Botânico foi inesquecível: "Aqui é muito bonito, me senti mais livre. Eu estou gostando de aprimorar minhas técnicas e fazendo fotos muito mais bonitas." 

A iniciativa do curso de qualificação social é uma parceria da Fundação Assis Chateaubriand com a Secretaria de Esporte e Turismo do Distrito Federal. Informações: www.facbrasil.org.br
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade