Publicidade

Correio Braziliense

Justiça condena homem a 25 anos de prisão por homicídio

Em fevereiro de 2018, ele atirou seis vezes contra a cabeça de um desafeto. Ele não poderá recorrer em liberdade


postado em 13/09/2019 20:12 / atualizado em 13/09/2019 20:54

(foto: Carlos Moura/CB/D.A Press)
(foto: Carlos Moura/CB/D.A Press)
Mais de um ano após cometer assassinato, Marcos Vinicius das Chagas Cerqueira foi condenado por homicídio triplamente qualificado, pelo Tribunal do Júri de São Sebastião, a 25 anos e três meses de prisão, sem poder recorrer da sentença em liberdade.
 
Em fevereiro de 2018, ele atirou seis vezes contra a cabeça de Igor Santos Mendes. Crime aconteceu em uma tarde de domingo, por volta de 14h, no bairro São José, de São Sebastião. O acusado estava acompanhado de um adolescente durante o fato. Assassinato teria sido causado por desavenças. 
 
Igor estava deitado na casa da namorada quando foi surpreendido pelo atirador. Os jurados acolheram a tese do Ministério Público de que o homicídio aconteceu por motivo fútil, por meio cruel e dificultando a defesa da vítima. Marcos Vinicius também foi condenado por corrupção de menor e porte ilegal de arma de fogo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade