Publicidade

Correio Braziliense

GDF e Sebrae lançam projeto para promover turismo rural no Lago Oeste

Secretaria de Turismo e Sebrae lançam nesta sexta-feira (8/11) programa, em parceria com 13 empreendimentos, para promover o desenvolvimento de visitas à região, em Sobradinho. Ideia é trazer mais turistas a Brasília e movimentar o mercado local


postado em 08/11/2019 06:00

Região conta com serviços de hospedagem e espaços para eventos(foto: Sebrae/Divulgação)
Região conta com serviços de hospedagem e espaços para eventos (foto: Sebrae/Divulgação)
Com paisagens deslumbrantes e ofertas de diversos produtos, regiões ecológicas e rurais do Distrito Federal ainda são pouco aproveitadas. Para mudar esse quadro, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e a Secretaria de Turismo firmaram parceria com 13 empreendimentos para promover o desenvolvimento de visitas ao Lago Oeste. Nesta sexta-feira (8/11), será lançado o projeto Viva Lago Oeste, que objetiva oferecer aos brasilienses e aos turistas variedade em experiência e serviços.

A região, localizada em Sobradinho, dispõe de áreas ecológicas com belas paisagens. O lugar conta hoje com serviço de hospedagem, gastronomia, espaço para eventos, turismo de aventura, ecológico e rural. Produtores da região também desenvolvem artesanato, agroflorestas e produtos como queijos e artigos de moda.

Nathália Hallack, analista do Sebrae, ressalta que o Viva Lago Oeste surgiu porque a região tem potencial para ser de interesse da população de Brasília e dos turistas. De acordo com Nathália, atualmente, o espaço é aproveitado mais por brasilienses, mas que a ideia é fazer com que cada vez mais pessoas de fora da capital visitem a região. “Muitos serviços já operam, porém a gente vê que eles têm um potencial muito maior”, frisa.

Nathália explica que o projeto surgiu para alcançar as empresas que já atuavam no lugar e organizá-las, dando mais visibilidade e tornando o espaço cada vez mais atrativo. “Continuaremos nos estruturando e apresentando roteiros integrados. Todos os empreendedores começaram os projetos nas mídias sociais e querem se consolidar como ponto de turismo”, afirma.

Fomento

O Viva Lago Oeste começou a surgir em 2017, quando empresários da região procuraram o Sebrae para fomentar o turismo na região. Com apoio da Secretaria, eles passaram a desenvolver projetos para a zona rural. “Nesses dois anos, fizemos uma série de intervenções no território. Foram mil horas de consultoria, dezenas de palestras, seminários e cursos. Tudo com propósito de fortalecer esse produto”, destaca Renata.

De acordo com Renata, 13 empresários participam da iniciativa e ofertam diversos produtos. Há quatro anos, José Rodrigues de Sousa Júnior, 48 anos, é proprietário da Trilha do Calango. O espaço oferece hospedagem e outros serviços, como caminhadas e eventos. Para ele, a região é privilegiada e uma das mais belas da capital. “É um dos locais mais ecológicos de Brasília, justamente porque fica entre o Parque Nacional e a Área de Proteção Ambiental de Cafuringa”, comenta.

Para José, o projeto trará maior visibilidade ao local e, consequentemente, mais pessoas. “Com essa organização, o turismo será fomentado e geraremos até empregos”, afirma. Segundo ele, a proximidade com o Plano Piloto, cerca de 27 quilômetros, faz com que a região seja mais valorizada e que basta apenas divulgação para que turistas e brasilienses passem a frequentá-la ainda mais.

Para saber mais

Apoio federal
O Distrito Federal faz parte do programa Investe Turismo, lançado pelo Ministério do Turismo, Sebrae e Embratur. Ao todo, 30 rotas estratégicas compõe o roteiro. Além da capital, os municípios goianos de Alto Paraíso e Cavalcante, ambos na Chapada dos Veadeiros (GO), integram a iniciativa. A ideia do projeto é acelerar o desenvolvimento turístico em 158 municípios brasileiros.

Participe
Nesta sexta-feira (8/11), a abertura do Viva Lago Oeste será realizada apenas para parceiros do projeto. Entretanto, neste sábado (9/11), o evento será aberto ao público. Confira a programação:

Viva Lago Oeste 

» Data: Amanhã (8/11)
» Horário: das 8h às 14h
» Endereço: concentração no Nany Café, DF-001, Rua 7, Lago Oeste, Sobradinho-DF
» Atividades: caminhada, pedal e cavalgada

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade