Publicidade

Correio Braziliense

Flagrantes de embriaguez ao volante cresceram mais de 63% em 2019

De janeiro até a primeira semana de dezembro a Polícia Rodoviária Federal autuou 1.793 pessoas por dirigir sob efeito de álcool. No mesmo período do ano passado, foram 859 autuações


postado em 10/12/2019 10:57 / atualizado em 10/12/2019 11:32

No último final de semana, a PRF prendeu seis pessoas por alcoolemia (foto: Bárbara Cabral/CB/D.A Press)
No último final de semana, a PRF prendeu seis pessoas por alcoolemia (foto: Bárbara Cabral/CB/D.A Press)
Mesmo com a Lei Seca, cresce em 63% o número de flagrantes de embriaguez ao volante nas rodovias do Distrito Federal. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) autuou, de janeiro até 8 de dezembro, 1.793 pessoas por dirigir sob o efeito de álcool – 435 por constatação e 1.358 por recusa. Dentre esses, 236 motoristas foram presos por constatar no teste nível acima de 0,33 mg/L, o que é considerado crime.
 
No mesmo período do ano passado, foram 859 autuações e 135 pessoas detidas por alcoolemia ao volante.

Apenas no último final de semana, a Polícia Rodoviária Federal penalizou 31 motoristas por dirigir alcoolizados. Durante a operação, seis pessoas foram presas por apresentarem nível superior a 0,33 miligrama por litro (mg/L) de álcool no organismo. 
 
Na tarde de domingo (8/12), um homem foi preso por conduzir, embriagado, uma caminhote com placa de Goiás. O flagrante aconteceu na BR-070, em frente à unidade da PRF de Ceilândia.
 
Os policiais abordaram a caminhonete e verificaram que o condutor apresentava sinais de embriaguez. De acordo com a PRF, o homem foi retirado do veículo e conduzido à calçada para a realização do teste de alcoolemia. O teor alcoólico indicado no teste foi de 2,0 mg/L.
 
O artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) prevê pena de seis meses a três anos para o condutor que for pego conduzindo o veículo embriagado, além de suspensão do direito de dirigir e multa no valor de R$ 2.934,70. O motorista foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil local.
 

Outros flagrantes


A Polícia Rodiviária Federal também socorreu no último final de semana, um acidente na BR-020, próximo a Sobradinho. Ao chegarem ao local, os policiais constataram que o condutor de uma caminhonete estava alcoolizado. O teste de bafômetro apontou 0,44 mg/l de álcool no organismo do motorista que foi encaminhado para a delegacia de Sobradinho. 
 
Em Valparaíso de Goiás, na BR-040, os policiais prenderam um condutor de 47 anos dirigindo uma caminhonete sob efeito de álcool. O teste de alcoolemia resultou em 0,73 mg/L. Outra equipe da PRF prendeu um homem de 27 anos que conduzia um veículo em estado de embriaguez no km 06 da BR-070, próximo a Ceilândia. O teste de etilômetro apontou 0,65 mg/L.
 
Na sexta-feira, policiais estavam em fiscalização pela BR-060 e abordaram um condutor de um veículo que apresentava sinais de embriaguez. Ao solicitar que fosse feito o teste do bafômetro ele mal conseguia soprar o bocal para realizar teste. O resultado foi 1,53 mg/L.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade