Publicidade

Correio Braziliense

Papai Noel dos Correios visita alunos de escola do Recanto das Emas

Campanha, que completa 30 anos em 2019, atendeu 177 estudantes da instituição


postado em 13/12/2019 22:19 / atualizado em 13/12/2019 22:21

Alunos do Centro de Educação Infantil Buritizinho, no Recanto das Emas recebem o Papai Noel dos Correios (foto: Divulgação/Aline Campos/Correios)
Alunos do Centro de Educação Infantil Buritizinho, no Recanto das Emas recebem o Papai Noel dos Correios (foto: Divulgação/Aline Campos/Correios)
Tornar sonhos realidade. Esse é o objetivo da campanha Papai Noel dos Correios, que completa 30 anos em 2019. Nesta sexta-feira (13/12), foi a vez dos 177 alunos do Centro de Educação Infantil Buritizinho, no Recanto das Emas receberem a visita do Bom Velhinho. Bonecas, bolas de futebol, carrinhos e materiais escolares foram levados às crianças que enviaram as cartas.

 

Segundo a diretora da escola, Vânia Almeida, o projeto atendeu crianças de 4 e 5 anos. "Pedagogicamente, foi nostálgico, porque as crianças ficaram muitoo atentas, emocionadas, esperando ansiosas a chegada do Papai Noel", conta.

  

Vânia afirma que foi um momento mágico. "No lançamento da campanha Papai Noel dos Correios, fomos à Universidade dos Correios e uns diziam que Papai Noel existia e outros diziam que não. Quando viram o Papai Noel descer do caminhão dos bombeiros, um ficava provocando o outro dizendo: 'eu avisei que existia'."

  

Estiveram presentes no evento o presidente dos Correios, Floriano Peixoto, a diretoria executiva da empresa, padrinhos da ação e pessoas da escola. Além disso, o grupo de percussão Patubatê se apresentou na ocasião.

 

Neste ano, 44 escolas do DF participaram da campanhas, além de outras 28 instiuições. O Centro de Educação Infantil Buritizinho recebeu a última entrega festiva. 

Cartas 

Os pedidos de alunos de escolas da rede pública e instituições parceiras, até o 5º ano do ensino fundamental, são enviados aos Correios. Após serem lidas e escolhidas, as cartas são distribuídas na Casa do Papai Noel ou em outras unidades da instituição. Estima-se que, neste ano, 800 mil cartas foram enviadas para adoção. Nas duas últimas oportunidades, 1,2 milhões de cartas foram adotadas em todo o Brasil.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade