Publicidade

Correio Braziliense

Terracap lança edital de imóveis para quem deseja investir

A intenção de investimentos do setor da construção civil brasiliense subiu 17.8 pontos


postado em 14/01/2020 14:32 / atualizado em 14/01/2020 22:30

No Noroeste, os terrenos têm área entre 750 m² e 900 m²(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
No Noroeste, os terrenos têm área entre 750 m² e 900 m² (foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
A Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) lançou novo edital para implantação de atividades econômicas diversas. Qualquer pessoa física ou jurídica pode participar do processo licitatório. Os interessados devem ficar atentos aos prazos: caução até 30 de janeiro e, licitação, até 31. São 57 terrenos disponíveis para venda em todo o DF. O edital está disponível para download no site do órgão.

Segundo a Sondagem da Indústria da Construção, realizada pela Fibra, A intenção de investimentos do setor da construção civil brasiliense para os próximos seis meses subiu 17.8 pontos. No final de 2019 alcançou 51.4, o melhor resultado desde 2013. Quanto ao aumento da atividade e de novos empreendimentos no curto prazo, o indicador de nível de atividade saiu de 60,2 pontos para 63,6 pontos na mesma base de comparação..

As condições de pagamento são: 5% de caução, entrada (com abatimento da caução) e o restante em até 180 meses, a depender do imóvel escolhido. Há opções no Noroeste, São Sebastião, Recanto das Emas, e Paranoá.

No Noroeste, são cinco projeções para residenciais coletivos e de uso misto. Os terrenos têm área entre 750 m² e 900 m². As entradas são a partir de R$ 288,5 mil. No Setor Tradicional de São Sebastião, em frente à Avenida Comercial, há um terreno de 2,9 mil m².. A entrada é de R$ 160 mil reais. As construções devem ser destinadas à atividades de comércio, serviços, institucional, indústria e até residencial. 

Em Samambaia, são 28 oportunidades. Na região administrativa há, por exemplo, lotes com 100 m², cuja entrada é a partir de R$ 7,4 mil. Empresas de todo o setor produtivo podem se instalar nos imóveis, de acordo com as definições de uso e ocupação do solo. 

No Recanto das Emas também há terrenos com preços acessíveis para quem quer expandir ou abrir um novo negócio com entradas a partir de R$ 7,6 mil. Podem funcionar no local os setores de comércio e serviços, indústria, além das atividades institucionais.

Como participar da licitação?

Veja o passo a passo:

1. Leia atentamente o edital disponível ao site da Terracap;

2. Escolha o imóvel e faça uma visita no local;

3. Preencha a proposta de compra 

4. Recolha a caução de 5% correspondente ao valor do lote, que funciona como garantia para habilitação na licitação

Atenção: O valor deve ser recolhido em uma agência do BRB, mediante depósito identificado, transferência eletrônica (TED) ou pagamento de boleto expedido no site da Terracap, necessariamente em nome do próprio licitante ou pelo seu legítimo procurador até o dia 30 de janeiro. A não apresentação da procuração implica em desclassificação automática do licitante. A licitação ocorrerá no dia subsequente, 31/01;

5. Entregue a proposta. Há duas opções de fazer isto: dirigir-se à Terracap e depositar o documento devidamente preenchido na urna da Comissão de Licitação, no dia 31 de dezembro, entre 9 e 10h, ou optar pela proposta online, anexando o comprovante de pagamento de caução. Neste caso, a proposta também deve ser enviada eletronicamente no mesmo dia e horário.

6. É dever do licitante atentar para todas as cláusulas do edital, em especial a que se refere à possível incidência do pagamento de taxa de Outorga Onerosa de Alteração de Uso (Onalt) ou do Direito de Construir (Odir).

Outras informações pelos telefones: (61) 3342-2013/3342-2525 ou por meio do e-mail terracap@terracap.df.gov.br. Para atendimento presencial, o edifício-sede da Terracap está localizado no Bloco “F”, Setor de Áreas Municipais (SAM) – atrás do anexo do Palácio do Buriti.
 
*Com informações da Terracap* 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade