Publicidade

Correio Braziliense

Projeto vai emprestar guarda-chuvas esquecidos no Metrô-DF a passageiros

Para a realização do projeto vão ser usados os itens que foram esquecidos no sistema metroviário e levados para o Posto Achados e Perdidos


postado em 23/01/2020 10:13 / atualizado em 23/01/2020 10:14

A ideia é que as pessoas que utilizarem a campanha depois de usarem o guarda-chuva, devolverem (foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
A ideia é que as pessoas que utilizarem a campanha depois de usarem o guarda-chuva, devolverem (foto: Minervino Junior/CB/D.A Press)
A campanha Guarda-Chuva Compartilhado possibilita que, nesta época de chuva seja feito o empréstimo dos objetos para os passageiros que precisarem. O projeto começou na terça-feira (21/1) no Metrô-DF

Serão colocados recipientes com guarda-chuvas em três pontos de retirada: Estação Central (Rodoviária do Plano Piloto), Estação Shopping e Estação Galeria. A campanha vai até o dia 20 de março.

Vão ser usados os guarda-chuvas que foram esquecidos no sistema metroviário e levados para o Posto Achados e Perdidos, que funciona na Estação Galeria, com período de permanência e guarda já expirado.

A iniciativa surgiu da agente de estação Maria de Lourdes Galvão, aposentada e chefe do setor por mais de 18 anos. É importante ressaltar que uma das intenções é que, após o uso, o guarda-chuva seja devolvido às estações para que outras pessoas possam usar.

Segundo o Metrô-DF, Aproximadamente 300 guarda-chuvas são esquecidos por ano no sistema. A maior parte em bom estado de conservação. 

*Com informações da Agência Brasília.  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade