Publicidade

Correio Braziliense

IBGE: Prévia da inflação em janeiro para Brasília é de 0,29%

Nacionalmente, a prévia fica em 0,71%. Setor de alimentação e bebidas tiveram maior impacto, com variação mensal de 1,39%


postado em 23/01/2020 11:24

(foto: Fernando Lopes/CB/D.A Press)
(foto: Fernando Lopes/CB/D.A Press)
O brasiliense pode se preparar para as variações de preços em janeiro. Isso porque o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a prévia da inflação (IPCA-15). Para janeiro, deve ficar em 0,29% em Brasília, o que representa uma queda de 1,23 pontopercentuais em relação ao índice de dezembro (1,52%), e um aumento de 0,22 em comparação a janeiro de 2019, quando o índice ficou em 0,07%. Nacionalmente, a prévia da inflação fica em 0,71%
 
A variação acumulada em 12 meses ficou em 3,56%. Em janeiro do ano passado, o número registrado foi de 3,12% e, em 2018, 3,18%. De acordo com o levantamento do IBGE, a maior alta foi para o grupo de alimentação e bebidas, com variação mensal de 1,39%, e impacto de 0,31 ponto percentual. A variação no preço da batata-inglesa foi de 16,77%, seguido da banana-prata, com 13,27%, e tomate, com 11,64%. 
 
Enquanto isso, o grupo habitação contribuiu negativamente, com variação mensal de -0,23% e impacto de -0,04 ponto percentual. Combustíveis e energia tiveram queda de 2,10%. Também houv euqeda para energia elétrica residencial: 2,75%. 
 
Os preços para o cálculo do IPCA-15 foram coletados entre 12 de dezembro e 14 de janeiro, e comparados com os vigentes entre 12 de novembro e 11 de dezembro. O indicador refere-se às famílias com rendimento de 1 a 40 salários mínimos em Brasíliia, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, São Paulo, Belém, Fortaleza, Salvador, Curitiba,e Goiânia.
 
*Com informações do IBGE* 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade