Publicidade

Correio Braziliense

Homem é internado em hospital de Formosa com suspeita de coronavírus

Após o primeiro atendimento, decidiu-se pela transferência do paciente para Goiânia, conforme protocolo estabelecido para o estado


postado em 27/02/2020 18:25 / atualizado em 27/02/2020 18:28

O paciente retornou recentemente de uma viagem à Europa(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
O paciente retornou recentemente de uma viagem à Europa (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
Um homem de 35 anos deu entrada no Hospital Municipal de Formosa (GO) na tarde desta quinta-feira (27/2) com suspeita de infecção por coronavírus. Segundo a Prefeitura, o paciente viajou recentemente para a Croácia e fez escala em Frankfurt, na Alemanha. 

Ainda de acordo com a Prefeitura, o quadro do paciente é estável, mas condiz com a definição de caso suspeito para o Covid-19, pois, além da viagem à Europa, ele apresenta febre, tosse, coriza e desconforto respiratório desde 18 de fevereiro.

Após o primeiro atendimento, decidiu-se por transferi-lo ao Hospital de Doenças Tropicais, em Goiânia, conforme protocolo estabelecido para Goiás. 

A Prefeitura de Formosa pediu ainda para as pessoas que tiveram contato com o paciente ou viajaram para países com casos de novo coronavírus e apresentarem os sintomas procurem a unidade básica de saúde mais próxima, a UPA-24h ou o Hospital Municipal de Formosa. 

Casos no DF

No DF, a Secretaria de Saúde aunciou, na manhã desta quinta-feira, cinco casos suspeitos, cujos resultados devem sair até o fim do dia. Um deles, porém, já foi descartado pelo hospital particular onde o paciente está internado, o Santa Lúcia da Asa Norte.

Mais tarde, o Ministério da Defesa informou sobre um sexto caso suspeito: o de um militar que está internado no Hospital das Forças Armadas (HFA)
 
A secretaria ressalta que ainda não há nenhum caso confirmado na capital.

No Brasil

O Ministério da Saúde informou, na tarde desta quinta-feira, que os casos suspeitos em todo o país chegam a 132. Porém, outras análises devem ficar prontas nas próximas horas, o que deve elevar esse número.

Com o aumento de casos suspeitos, o governo federal decidiu antecipar a vacinação contra a gripe para 23 de março. Embora a gripe seja causada por um vírus diferente (influenza), o objetivo é evitar o aumento de doenças respiratórias e a sobrecarga do sistema de saúde.  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade