Cidades

Polícia recupera informações de celular deletadas por criminoso

Provas apagadas em celular de suspeito responsável por esquema interestadual de desmanche de carros foram recuperados junto à Apple

Cibele Moreira
postado em 14/04/2020 11:47
Apple forneceu aos investigadores informações que haviam sido apagadsInformações apagadas de celular de suspeito preso por esquema interestadual de desmanche de carros foram recuperadas pela Polícia Civil do Distrito Federal. Através de medidas judiciais, a Apple repassou os dados deletados, além da localização de onde foi emitido o comando de reset. Com isso, agentes da Coordenação de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Corpatri) deflagraram a operação Pinpoint e cumpriram cinco mandados de busca e apreensão.

Entre os endereços, estão a casa da esposa do preso, assim como residências vinculadas a seus amigos. Eles foram identificados como participantes de deletar dados importantes do celular em comando pela internet. Todos os envolvidos foram indiciados pelo crime de obstrução de justiça e responderão pela tentativa de fazer piada com o sistema de Justiça.

A investigação faz parte do desdobramento da operação Rota da Seda, deflagrada em 2019 com o objetivo de combater a comercialização de autopeças ilegais em Taguatinga. Na época, foram cumpridos 120 mandados de prisão preventiva, prisão temporária, buscas e apreensões. Segundo a polícia, o grupo criminoso roubava carros para desmanche e enviava as peças para lojas do DF, além de outros estados.

Cerca de 12 presos da operação ainda estão presos preventivamente, inclusive com habeas corpus indeferidos pelo Supremo Tribunal de Justiça (STJ). O processo criminal encontra-se em fase de sentença e a expectativa é de que sejam condenados com penas de reclusão e perda de bens. Também foram apreendidos dez veículos de alto custo, entre eles BMWs, Evokes e caminhonetes.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação