Cidades

Escolas doam alimentos para instituições filantrópicas do DF

Diretores entregarão perecíveis, que precisam ser consumidos o quanto antes, nesta quarta-feira (15/4), à Coordenação Regional de Ensino, responsável pela distribuição

Ana Maria da Silva*
postado em 15/04/2020 17:57
Verduras, Legumes e carnes estão entre alimentos recebidos nas instituições filantrópicasQuilos de alimentos perecíveis que estão nas escolas da rede pública terão um novo destino: as instituições filantrópicas do Distrito Federal. A iniciativa surgiu diante do congelamento de produtos da merenda escolar para evitar desperdícios, uma vez que o Governo do Distrito Federal (GDF) optou pela suspensão das aulas, para evitar aglomerações e conter a Covid-19. A entrega será realizada nesta quarta-feira (15/4) à Coordenação Regional de Ensino do Plano Piloto (CRE PP), na 511 Norte, que ficará responsável pela distribuição.

Segundo o coordenador da CRE PP, professor Júlio César Sampaio, as perdas ainda podem acontecer, uma vez que a previsão de retorno das aulas é em junho. Até lá, os perecíveis podem estragar, mesmo que congelados. Por isso, a Secretaria de Estado de Educação decidiu fazer a doação. ;Seria inaceitável, em qualquer situação, deixar tudo isso acabar no lixo, ainda mais agora, num momento de pandemia e de grave crise financeira;, ressalta Júlio.

O coordenador relata que, entre as instituições beneficiadas, estão locais que atendem crianças, idosos e pessoas com deficiência. ;Foi um esforço conjunto, conseguimos um caminhão refrigerado, que ficará na frente da CRE PP no aguardo da coleta. O quanto antes realizaremos a distribuição, melhor;, explica. ;Não há como afirmar agora quanto será arrecadado, mas com certeza qualquer quantidade será significativa. Quanto mais o tempo passa, mais temos a certeza de que o momento é atípico e exige decisões voltadas ao interesse coletivo, à solidariedade;, complementa Sampaio.

O Centro de Ensino Médio da Asa Norte (Cean) está entre as escolas que irá doar alimentos. A diretora da instituição, Maria das Graças de Paula Machado, diz que a doação não será pequena. Entre os perecíveis, há cerca de 110 kg de vegetais como limão, abóbora, beterraba e goiaba. ;Esses e outros itens foram congelados e estão com a qualidade nutritiva preservada, mas não poderão ser consumidos só daqui a um mês pelos estudantes, por causa do prazo de validade;, esclarece. ;É muito importante que eles sejam entregues, neste momento, a quem precisa, especialmente às instituições que, inclusive, deixaram de receber doações por causa da Covid-19;, reforça.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação