Cidades

Briga generalizada deixa cinco pessoas feridas em Taguatinga

Entre os feridos, quatro participaram do crime. Apenas uma mulher, de 36 anos, não estava envolvida na discussão e acabou agredida ao tentar apartar o grupo

Sarah Peres
postado em 20/04/2020 19:07
Investigadores da 12ª DP identificou quatro envolvidos na confusãoUma briga generalizada na QNL 8 deixou cinco pessoas feridas, na madrugada de domingo (19/4). A discussão teria começado entre quatro pessoas, e acabou evoluindo para agressões físicas. A 12; Delegacia de Polícia (Taguatinga Centro) identificou quatro envolvidos no crime, qualificados como autores e vítimas na ocorrência ; por se tratar de violência recíproca. Apenas uma vítima, uma mulher de 36 anos, não participou das agressões.

Segundo a delegada Elizabeth Frade, adjunta da 12;DP, três dos suspeitos em um churrasco, em um apartamento da região, quando decidiram sair para comprar mais bebida alcoólica. Por volta de 1h, o grupo desceu e foi até o carro, para, então, seguir até um estabelecimento. Nesse momento, o quarto envolvido e morador do prédio, de 26 anos, chegou. Foi quando houve a discussão.

;Não foi possível identificar o motivo do desentendimento, pois há contradição nos depoimentos. O grupo diz que o quatro envolvido ficou encarando e partiu para cima. Por outro lado, esse homem afirma que o trio ocasionou o atrito. O que podemos afirmar é que os suspeitos passaram a se agredir mutuamente. Depoimentos de testemunhas indicam que nessa hora, outras pessoas que residem na área também entraram no meio da confusão;, explica a investigadora.

Em meio a confusão generalizada, três dos suspeitos sofreram golpes de faca. ;Nenhum deles soube dizer quem cometeu o esfaqueamento. Mas todos tiveram ferimentos superficiais e não correm risco de morte. O quarto envolvido também ficou machucado, com escoriações. Entre os feridos, apenas uma mulher não estava participando da briga. Ela tentou apartar o grupo, mas foi empurrada e caiu no chão;, esclarece Elizabeth Frade.

A mulher precisou ser socorrida ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT). Não há informações sobre o estado de saúde da vítima. O jovem de 26 anos também precisou de atendimento médico e depois foi encaminhado para a 12; DP para apresentar a versão dele. Ele e os demais suspeitos foram autuados por lesão corporal e vias de fato. Os acusados assinaram termo circunstanciado e foram liberados.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação