Cidades

Coronavírus: DF registra 46ª morte e chega a 3.053 casos confirmados

Dos diagnosticados, 191 estão hospitalizados. Desses, 87 estão em unidades de terapia intensiva (UTIs) e 104, em enfermarias

Walder Galvão
postado em 13/05/2020 14:04
Com 932 casos, a maioria dos infectados têm idade entre 30 e 39 anosO Distrito Federal registrou a 46; morte provocada pelo novo coronavírus. O registro passou a ser contabilizado pela Secretaria de Saúde nesta quarta-feira (13/5). Além disso, a capital ultrapassou os 3 mil casos confirmados da doença e chegou ao total de 3.053 infectados.
A nova vítima do coronavírus era um moravor de Ceilândia de 72 anos. O homem faleceu no Hospital Regional de Ceilândia (HRC) na segunda-feira (11/5), mesmo dia em que deu entrada na unidade de saúde. Segundo a Secretaria de Saúde, ele tinha diabetes e distúrbios metabólicos, comorbidades que agravam a covid-19.
Dos diagnosticados, 191 estão hospitalizados. Desses, 87 estão em unidades de terapia intensiva (UTIs) e 104, em enfermarias. O restante, 822 pessoas, seguem em isolamento domiciliar. Ao todo, 1.534 pacientes estão recuperados da covid-19.
Com 932 casos, a maioria dos infectados têm idade entre 30 e 39 anos. Além disso, 394 pessoas diagnosticadas com a doença têm mais de 60 anos e integram o grupo de risco.
Nessa terça-feira (12/5), mais duas mortes foram registradas pela Secretaria de Saúde. Uma das vítimas era uma mulher de 80 anos, moradora do Riacho Fundo 2. Ela estava internada no Hospital Regional da Asa Norte (Hran) desde sábado (9/5) e morreu nesta terça. Ela tinha comorbidades, como hipertensão, diabetes e doença renal crônica.
A outra pessoa que perdeu a vida devido à covid-19 é uma moradora de Planaltina de 89 anos. Ela morreu em casa no domingo (10/5). Ela não tinha comorbidades, mas era considerada grupo de risco devido à idade.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação