Cidades

Covid-19: MPDFT e GDF discutem protocolo de óbitos para o DF

O Ministério Público informou que o documento está em processo de elaboração pela Sejus e a Sedes

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 26/05/2020 15:53
 (foto: Paulo H. Carvalho/CB/D.A Press)
(foto: Paulo H. Carvalho/CB/D.A Press)
GDF apresentou um protocolo de óbitos ao MPDFTNesta última segunda-feira (25/5), foi apresentado ao Ministério Público do Distrito Federal o protocolo com objetivo de estabelecer parâmetros sanitários para as atividades funerárias. Além disso, a secretarias de Justiça e Cidadania (Sejus) e de Desenvolvimento Social (Sedes), juntamente com MPDFT, também discutiram um plano de contingência na área social.

O protocolo de óbitos alinha o trabalho das instituições envolvidas com normas sanitárias na prestação de serviços funerários e define os procedimentos para sepultamentos sociais, além de indicar as obrigações do Distrito Federal.

[SAIBAMAIS]De acordo com o Ministério Público, o documento está em processo de elaboração pela Sejus e a Sedes. Os órgãos têm dialogado para finalizar os fluxos relacionados a temas sanitários que ainda não estão contemplados no protocolo.

[VIDEO1]Segundo o último boletim divulgado pela secretaria de Saúde, o número de casos confirmados de coronavírus no DF é de 6.970 mil, com117 óbitos. Desses, 53,9% são homens, totalizando 3.757 infectados nessa parcela da população. Em relação às mulheres, os números chegam à 3.213, ou seja, 46,1% do total de infectados.

Populações vulneráveis

Outro assunto discutido no encontro foi o plano de contingência na área social, solicitado pelo MPDFT. O documento visa garantir atendimento e segurança para usuários e servidores dos serviços socioassistenciais.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação