Publicidade

Correio Braziliense

Bombeiros ganham homenagem após salvarem criança que se afogou em piscina

O pequeno Téo estava em uma piscina residencial no momento do incidente. Militares prestaram os primeiros socorros e realizaram manobras de salvamento por, pelo menos, 30 minutos


postado em 28/05/2020 21:16 / atualizado em 28/05/2020 21:31

Criança foi resgatada ao Hospital de Base(foto: CBMDF/Divulgação)
Criança foi resgatada ao Hospital de Base (foto: CBMDF/Divulgação)
A criança de 1 ano e 9 meses que se afogou em uma piscina na QI 11, no Lago Sul apresentou melhoras surpreendentes. O caso ocorreu no sábado (23/5). O pequeno Téo sofreu uma parada cardiorrespiratória e precisou ser reanimado pela equipe do Corpo de Bombeiros. Nesta quinta-feira (28/5), a família do menino enviou uma mensagem de agradecimento à corporação. 

"Ao olharmos para o Téo, estaremos vendo um pouquinho de tantas pessoas que participaram desta vitória, tanto os que estiveram bem pertinho dele, quanto os que dedicaram várias horas do dia orando por ele e clamando por um milagre”, escreveram os parentes. 

A criança se afogou em uma piscina residencial e foi encontrada por familiares. O Corpo de Bombeiros realizou manobras de salvamento por, pelo menos, 30 minutos. Os sinais vitais do bebê voltaram e, em seguida, ele foi encaminhado ao Hospital de Base por uma ambulância. 

Na mensagem, os familiares agradeceram e prestigiaram o trabalho dos bombeiros. “Não temos palavras para agradecer tudo o que foi feito. Em cada olhar era possível enxergar: 'Não vamos desistir'. E assim eles o fizeram. Não desistiram do nosso Téo. Assim, segue virtualmente (por enquanto) o nosso profundo agradecimento e reconhecimento do amor que existiu naquela casa, que certamente foi muito além do que um ‘desempenho da função na profissão escolhida’ por quem lá estava.”

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade