Publicidade

Correio Braziliense

Homem é preso por violência doméstica e tentativa de incêndio no Guará

O homem foi detido após ameaçar, injuriar e agredir, com tapas e puxões de cabelo, a sua companheira, de 22 anos de idade. Ele teria, ainda, tentado atear fogo na residência, uma vez que jogou álcool no chão e acendeu o fogo, mas segundo os agentes, o apagou logo depois


postado em 06/06/2020 11:13 / atualizado em 06/06/2020 11:43

(foto: Maurenilson Freire/CB/D.A Press)
(foto: Maurenilson Freire/CB/D.A Press)
Agentes da 4ª Delegacia de Polícia (Guará) prenderam, na manhã deste sábado (6/06) um homem de 21 anos, autor de violência doméstica contra a esposa, com quem vivia há dois anos. 

O crime aconteceu na QI 18 do Guará. O homem foi detido após ameaçar, injuriar e agredir, com tapas e puxões de cabelo, a companheira de 22 anos de idade. De acordo com a Polícia Civil, as agressões ocorreram durante uma discussão do casal.

O rapaz ainda teria tentado atear fogo na residência, uma vez que jogou álcool no chão e acendeu o fogo, mas segundo os agentes, o apagou logo depois.

Ele foi conduzido para a Delegacia de Atendimento à mulher (Deam) onde foi autuado em flagrante pelos crimes de ameaça e injúria e pela contravenção penal de vias de fato em situação de violência doméstica e familiar.

Somadas, as penas podem alcançar 1 ano e 3 meses de prisão.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade