Cidades

Covid-19: DF registra 16.629 casos; Ceilândia tem quase 2 mil doentes

Do total de infectados, 65 têm estado de saúde considerado grave e 231 têm infecções moderadas

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 08/06/2020 17:20
Do total de infectados, 65 têm estado de saúde considerado grave e 231 têm infecções moderadasO Distrito Federal registrou 16.629 mil casos de pessoas diagnosticadas com o novo coronavírus. Destes, quase 2 mil são moradores de Ceilândia, cidade com maior número de casos. O levantamento divulgado pela Secretaria de Saúde (SES-DF), às 12h desta segunda-feira (8/6) também mostra que não houve nenhum óbito desde domingo (7), e continua com 196 vítimas da covid-19.

Do total de pessoas que tiveram testes positivos para o vírus, 9.020 se recuperaram, o que signifca 54,2% dos registros. Os casos ativos são de 7.395, sendo que 65 pacientes têm estado de saúde considerado grave e 231 têm infecções moderadas. Além disso, 58,24% dos leitos das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública estão ocupados.

O boletim da Saúde indica que Ceilândia contabiliza 1.968 dos diagnósticos da doença. Em segundo lugar, está o Plano Piloto, com 1.343 contaminados. Em seguida, está Taguatinga, com 1.149 infectados e Samambaia, com 987 doentes. O sistema carcerário tem 809 registros da covid-19.

Quanto ao perfil dos pacientes, a maioria é composta por homens, representando 50,4% (8.383) dos casos. Mulheres ficam atrás com apenas 137 diagnósticos a menos, contabilizando 8.246 infectados, o equivalente a 49,6%. A faixa etária que lidera os testes positivos são de pessoas entre 30 e 39 anos, registrando 4,62 mil casos. Depois, está o grupo com idades entre 40 e 49 anos (3,79 mil) e, por fim, jovens entre 20 e 29 anos (2,96 mil).

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação