Cidades

Coronavírus: Saúde abre pregão eletrônico para compra de 1 milhão de testes

Valor estimado é de R$ 134.330.000,00 e será pago à empresa vencedora somente o quantitativo do material utilizado

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 10/06/2020 14:00
Valor estimado é de R$ 134.330.000,00 e será pago à empresa vencedora somente o quantitativo do material utilizadoNesta quarta-feira (10/6), a Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) abriu um pregão eletrônico para comprar 1 milhão de testes rápidos IgG e IgM para detecção da covid-19. Caso seja necessário adquirir todo o material, o valor estimado será de R$ 134.330.000,00. A abertura do processo foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF).

O pregão será na modalidade de Registro de Preço, prevendo que seja pago à empresa vencedora somente o quantitativo do material utilizado, podendo chegar ao uso de até 1 milhão de testes ao longo de um ano de contrato.
[SAIBAMAIS]Segundo o subsecretário de Administração Geral, Iohan Struck, o valor de R$ 134 milhões é estimativo, pois é esperado que haja concorrência e economicidade no pregão, em razão do volume de testes comprados. ;Assim que o processo for homologado e a ata registrada, a Secretaria de Saúde poderá fazer uso dos testes;, informa.

Prazo para as empresas

As propostas das empresas interessadas serão recebidas até às 09h00 do dia 17 de junho, exclusivamente pelo site www.comprasgovernamentais.gov.br. Os participantes devem estar inscritos no Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores (Sicaf), disponível no mesmo site. O edital de licitação pode ser acessado no portal de compras governamentais ou diretamente neste link.
O documento também pode ser disponibilizado, com ônus, diretamente na sede da Secretaria de Saúde, localizada no Setor de Áreas Isoladas Norte, no fim da Asa Norte. O edital pode ser pedido na Central de Compras da Subsecretaria de Administração Geral (Suag), Bloco ;A;, 1; andar, sala 83.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação