Cidades

Água Mineral reabre com acesso restrito e sem cobrar ingressos

No primeiro dia de retomada das atividades após cerca de três meses fechado, visitantes do Parque Nacional de Brasília puderam ter acesso apenas à Trilha Cristal Água. Piscinas e Trilha da Capivara seguem fechadas por, pelo menos, mais 30 dias

postado em 16/06/2020 04:07
No primeiro dia de retomada das atividades após cerca de três meses fechado, visitantes do Parque Nacional de Brasília puderam ter acesso apenas à Trilha Cristal Água. Piscinas e Trilha da Capivara seguem fechadas por, pelo menos, mais 30 dias


Após a reabertura com restrições dos parques do Distrito Federal para a prática de exercícios físicos, os brasilienses puderam, agora, retornar ao Parque Nacional de Brasília. A reserva ambiental mais conhecida como Água Mineral também voltou a abrir para visitação desde ontem. Apesar de manter apenas a Trilha Cristal Água em funcionamento e permanecer com todas as piscinas e a Trilha da Capivara fechadas, os visitantes compareceram.
No entanto, o procedimento de entrada mudou. A cobrança de ingresso, que custava R$ 14, está temporariamente suspensa por, pelo menos, 30 dias, de acordo com a chefe do Parque Nacional, Juliana de Barros. Agora, a garantia de acesso ao local é dada após a aferição da temperatura do visitante seguida da devida higienização das mãos com álcool. Na portaria, uma equipe de saúde faz a triagem para atendimento e orienta o público.

Segundo Juliana, a possibilidade de reabertura dos demais espaços depende da avaliação das equipes de monitoramento sobre a manutenção das medidas de prevenção à covid-19. ;É preciso observar e avaliar como vai se dar esse retorno do público. Vamos analisar a movimentação durante os próximos dias e o comportamento da pandemia;, destaca a chefe do espaço. ;Apenas com o cruzamento dessas informações vamos ter subsídios capazes de assegurar ou não a liberação das piscinas e a, consequente, cobrança de ingressos;, complementa.





Novas regras

A trilha aberta ao público visitante, a Cristal Água, tem 5 km; frente 1,3 km da Trilha da Capivara, temporariamente fechada. Ao longo do percurso, oito recepcionistas distribuídos em pontos estratégicos orientam os visitantes sobre distanciamento e uso das máscaras. Está proibido levar alimentos. Banheiros e bebedouros seguem interditados.

O acesso pode ser feito todos os dias das 8h às 15 h, sendo permitido ficar no parque até as 17h. Nos primeiros 30 dias, está autorizada a entrada de 300 pessoas ; sendo 150 até as 12h, e 150 entre as 12h e as 15h. A partir do próximo mês, o parque pretende ampliar a capacidade para 400 visitantes, e o funcionamento, até as 16h.
A limpeza e a desinfecção dos espaços, pisos, corrimãos, bancos e lixeiras, entre outros locais de uso coletivo, fica a cargo da administração do parque.

Quem saiu de casa na segunda-feira para aproveitar a reabertura concordou com as normas. ;Eu acho que o problema é mesmo aglomeração. Realmente, não dá para deixar as piscinas abertas aos fins de semana, pois lotam, e as pessoas ficam próximas umas das outras. O funcionamento da trilha é interessante, por ser um local arejado e ventilado. Se cada um tomar os devidos cuidados e respeitar as normas de higiene e distanciamento, é possível curtir o parque de forma saudável;, afirma a jornalista Júnia Lara, 55 anos.

A enfermeira Aline Roberta Silva, 36, usou a área liberada para pedalar com uma amiga. Na opinião dela, o contato com a natureza pode ajudar a saúde em meio à pandemia. ;Eu fico feliz com a reabertura, apesar de entender o momento em que estamos vivendo. Porém, nós precisamos desse contato com o meio ambiente para garantir o mínimo de sanidade mental para suportar o momento atual;, afirma.

O soldado militar Léo Júnior, 21, chegou cedo para passear no parque com a família e também comemorou a volta das atividades. ;Eu gosto bastante de trilha. Com as medidas de prevenção, vai ser seguro, sim, vir para cá, pois não teremos aglomerações. Vai ser tranquilo se cada qual utilizar a máscara e o álcool;.

A Água Mineral estava proibida de receber visitantes desde 18 de março, no intuito de prevenir o contágio pelo coronavírus. A reabertura do parque foi publicada na sexta-feira no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). De acordo com o presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Homero Cerqueira, esta é a terceira unidade do instituto que volta a receber visitação. ;Já abrimos o Parque Nacional do Iguaçu, Parque Nacional de Aparados da Serra Geral e agora aqui. Ocorreram diversas conversas com as secretarias do GDF e conseguimos chegar a um consenso para uma reabertura segura;, detalha.




Regras para visitar o
Parque Nacional de Brasília

; Uso obrigatório de máscara de proteção, ainda que artesanal, durante todo o período em que estiver no interior do parque, sendo que a máscara deve estar cobrindo a região do nariz e da boca

; Manter ambientes bem ventilados, com janelas e portas abertas, sempre que possível

; Promover com frequência a limpeza e desinfecção dos ambientes, pisos, corrimãos, lixeiras, balcões, maçanetas, tomadas, torneiras, além de outros objetos de uso coletivo, como bancos

; Remover jornais, revistas, panfletos e livros dos locais de comum acesso para evitar a transmissão indireta

; Possibilitar a utilização de máquinas de débito e crédito, que devem estar fixas ou envelopadas com filme plástico e desinfetadas após cada uso

; Manter o distanciamento mínimo de 2 metros entre bancos

; Interditar espaços comuns

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação