Cidades

Polícia Civil deflagra operação de combate à grilagem no Sol Nascente

A ação desta terça-feira (16/6) é uma nova fase da Operação Horus, deflagrada em setembro de 2019

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 16/06/2020 08:15
De acordo com a Cecor, todos os investigados são integrantes de uma facção criminosa autointitulada Comando Sol NascenteA Polícia Civil deflagrou na manhã desta terça-feira (16/6) uma operação voltada à desarticulação de uma organização criminosa suspeita de grilagem de terra no Setor Habitacional Sol Nascente. A Coordenação Especial de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Cecor) cumpre 17 mandados de prisão preventiva e sete de busca e apreensão na região e no sistema prisional do Distrito Federal. Até o momento, 10 pessoas foram presas.

De acordo com a Cecor, todos os investigados são integrantes de uma facção criminosa autointitulada Comando Sol Nascente. Eles são suspeitos de dar suporte aos grileiros de terras presos na fase anterior da Operação Horus, deflagrada em setembro de 2019.

O Comando Sol Nascente agia como o braço armado desses grileiros de terras, praticando ameaças e homicídios contra organizações criminosas rivais e intimidando moradores, além de buscar o domínio do tráfico de drogas na região.

As investigações, que vêm sendo levadas desde o início pela Divisão de Repressão ao Crime Organizado (Draco/Cecor), tiveram início no ano de 2015 e remontam ao início da grilagem de terras na região, em 2009, apontando que nesse período - entre 2009 e 2015 - foram registradas 224 tentativas de homicídio; 205 homicídios consumados e 113 ocorrências de tráfico de drogas no Setor Habitacional Sol Nascente.

Segundo a Polícia Civil, grande parte desses crimes praticados pelo grupo, por rivais ou em decorrência de disputas por terras, tratam-se do período de atuação mais intensa da organização criminosa.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação