Cidades

Delegacia de Atendimento à Mulher 2 é inaugurada em Ceilândia

Anderson Torres, secretário de Segurança, participou de solenidade ao lado do delegado-chefe da PCDF, Robson Cândido e de autoridades policiais. Posto Descentralizado de Atendimento do IML também foi inaugurado

Thais Umbelino
postado em 16/06/2020 11:43
Essa é a segunda Delegacia de Atendimento à Mulher do DFO secretário de Segurança Pública do DF, Anderson Torres, ao lado do diretor-geral da Polícia Civil do DF (PCDF), Robson Cândido, e de autoridares policiais participou de solenidade de inauguração da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher 2 (Deam 2) e do Posto Descentralizado de Atendimento do IML, em Ceilândia. O evento ocorreu nesta terça-feira (16/6), às 10h.

"É um marco para Brasília. A região mais populosa da cidade receber o Instituto Médico Legal e uma delegacia própria para atendimendo de violência doméstica contra a mulher. Crimes que tanto chocam e assolam nossa sociedade", comentou o delegado Anderson. De acordo com o secretário, apenas na primeira semana foram registrados 52 atendimentos. "Grande porcentagem das vítimas não vão realizar o exame, fazem a ocorrência, mas não realizam o exame e ele é fundamental para fins penais e de processos", esclareceu.

"Depois de 33 anos, a primeira Delegacia da Mulher foi inaugurada em 1987, então sempre foi um projeto a criação de uma segunda delegacia. E hoje nós estamos aqui realizando um sonho", declarou o delagado Robson Cândido. A unidades policiais funcionam junto à 15; Delegacia de Polícia, em Ceilândia Centro, e foram estabelecidas no decreto n; 40.637, assinado pelo governador do DF, no dia 20 de abril.

[SAIBAMAIS]A delegacia especializada para mulheres funciona 24h, todos os dias e possui quatro seções que apuram crimes contra a dignidade sexual, crimes violentos, crimes cibernéticos e aqueles contra mulheres idosas. A divulgação da Deam 2 foi realizada pelo governador Ibaneis Rocha (MDB) em cerimônia do Dia das Mulheres, em 2/3. A inauguração estava prevista para o fim de março. De acordo com a delegada-chefe da Deam 2, Adriana Romana, o local é uma marco para o público do DF. ;Vamos atender à população de Ceilândia e também do Sol Nascente;, ressalta.

O Posto Descentralizado de Atendimento do IML foi estruturado para realizar atividade médica pericial. "No local, os peritos médicos-legistas atendem situações de violência sexual e violência doméstica e familiar, e avaliação de lesões corporais em situações diversas, sempre com atendimento exclusivo a vítimas, encaminhadas pela Deam 2 e delegacias, preferencialmente de Ceilândia", enfatiza a diretora do IML, Márcia Cristina Barros e Silva dos Reis.

[VIDEO1]


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação