Cidades

DF Sem Miséria: benefício pode ser sacado a partir desta quinta (18/6)

Pagamento do mês de maio estava atrasado devido ao congestionamento no sistema por causa do pagamento do auxílio do governo federal. Saque deve ser feito, preferencialmente, em caixas eletrônicos

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 18/06/2020 10:52
Os saques podem ser realizados com o cartão Bolsa FamíliaA partir desta quinta-feira (18/6), as famílias atendidas pelo programa ;DF Sem Miséria; poderão receber o benefício. O valor total do pagamento, juntando os meses de maio e junho, ficou em R$ R$ 15.602.080, atendendo, ao todo, 56.454 famílias em situação de vulnerabilidade social do Distrito Federal.

De acordo com a Secretaria Desenvolvimento Social (Sedes), a retirada da parcela de maio do benefício de transferência de renda do DF sofreu atraso em razão do pagamento do Auxílio Emergencial do governo federal. Responsável pela operacionalização do programa, a Caixa Econômica informou à Sedes que não seria possível fazer o repasse do benefício no mês passado, pois houve sobrecarga do sistema pela procura do auxílio federal.

;A equipe da Sedes trabalhou, com a Caixa Econômica, para garantir neste mês o repasse das duas parcelas do benefício, regularizando o pagamento;, explica a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha. ;As famílias beneficiárias não podem ser prejudicadas, por isso pontuamos para a Caixa a importância de processar a transferência das duas folhas em um único mês.;

A continuidade do programa de transferência dessa renda, mesmo durante o período de enfrentamento da pandemia do coronavírus, está garantida pelo Decreto n; 10.316, de 7 de abril de 2020.

Saque


[SAIBAMAIS]Os saques devem ser realizados com o cartão do Bolsa Família ou Cartão Cidadão, preferencialmente, em caixas eletrônicos. Os beneficiários que não têm nenhum dos dois podem sacar nas agências da Caixa Econômica Federal, mediante apresentação de Carteira de Identidade (RG) e CPF originais.

Seguindo recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS), caso a pessoa precise ir a uma agência, deve ir sozinha. Para não perder viagem e confirmar se o benefício está liberado, ligue para o telefone 08007072003 (ligação gratuita) ou pelo site do programa.

Qualquer informação do Cadastro Único ; código familiar, Número de Identificação Social (NIS), renda per capita, e afins ; de cada família também pode ser consultada por meio do telefone 0800 707 2003, ou pelo site do CadÚnico, bem como pelo aplicativo Meu CadÚnico, disponível para Android e IOS.

Programa


O DF Sem Miséria é um adicional ao Bolsa Família que tem o objetivo de adequar os valores recebidos ao custo de vida da realidade do Distrito Federal. Têm direito a esse recurso aquelas famílias residentes no DF que, após o recebimento dos benefícios, apresentarem renda per capita inferior a R$ 140.

O valor repassado varia de caso para caso: vai de R$ 20 a R$ 980. O cálculo leva em consideração fatores como renda familiar, quantidade de pessoas em cada núcleo e ainda o que foi recebido pelo Programa Bolsa Família.

Os valores dos pagamentos referentes ao DF Sem Miséria podem ser consultados no Portal da Transparência do Governo do Distrito Federal.

*Com informações da Agência Brasília


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação