Cidades

Samambaia desativa lixão para transformar local em nova área de lazer

Cerca de 30 mil metros quadrados serão aproveitados para construir uma quadra de areia no local que do lixão desativado

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 22/06/2020 16:23
Para realizar a obra foram reaproveitados pneus e materiaisApós 30 anos de existência, os moradores de Samambaia viram o lixão chegar ao fim para ser transformado em uma área de lazer. A administração da cidade e o governo do Distrito Federal (GDF) estão trabalhando na limpeza e na recuperação do espaço. Uma quadra de areia será construída no local.

A administração retira, em média, 100 toneladas de entulho por semana, um volume descartado irregularmente na quadra 403. ;Demorou 30 anos para fazerem alguma coisa. Estou muito feliz por ganhar um novo espaço em frente a minha casa;, afirmou a professora aposentada Fátima Coelho. De acordo com os moradores, são frequentes os flagrantes de descarte irregular.

A partir de hoje (22), o espaço começará a ser revitalizado. A área pública tem aproximadamente 30 mil metros quadrados, destinado à área verde da cidade. Essa é a quarta erradicação de lixões clandestinos na cidade, conforme explica a Diretoria de Obras da RA. ;Temos bons resultados com as recuperações dos locais. Quando os moradores veem a mudança, ajudam na conservação e manutenção;, esclareceu o gerente de obras da administração, Flávio Lopes.

Duas opções foram cogitadas para solucionar o problema: cercar a área ou reutilizar para lazer. ;Como já temos exemplo de sucesso em transformação de lixões em áreas de convício, optamos pela segunda opção;, afirmou o administrador Gustavo Aires. Para a obra, a administração não precisou realocar orçamento. Por meio do GDF Presente, o reaproveitamento de pneus e materiais, foi possível concretizar a demanda dos moradores.

Descarte

[SAIBAMAIS]Os moradores de Samambaia poderão fazer a destinação correta de materiais que desejam descartar através do número (61) 99147-5814. Nele, os residentes poderão agendar o recolhimento com a administração da região, que irá enviar alguém para recolher o necessário.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação