Publicidade

Correio Braziliense

Mais de um milhão de pessoas poderão sacar o FGTS; Veja o calendário

Começa hoje o crédito na conta poupança social digital aos trabalhadores nascidos em janeiro. O beneficiário pode optar por não receber o valor neste momento. Confira os canais de atendimento


postado em 29/06/2020 13:54 / atualizado em 29/06/2020 13:56

O saque começa pelos trabalhadores nascidos em janeiro(foto: CEF/Divulgacao)
O saque começa pelos trabalhadores nascidos em janeiro (foto: CEF/Divulgacao)
A partir desta segunda-feira (29/6), cerca de 1,1 milhão de trabalhadores poderão receber o pagamento do Saque Emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) no Distrito Federal. Ao todo, serão pagos R$ 700 milhões aos trabalhadores. O novo saque tem como objetivo o enfrentamento da situação de calamidade pública reconhecida pelo Governo Federal em razão da pandemia de covid-19. 
 
Os trabalhadores com o direito do saque emergencial são aqueles que possuem contas ativas (do emprego atual) ou inativas (de empregos anteriores) do FGTS. O pagamento será depositado na Conta Poupança Social Digital, aberta automaticamente pela Caixa Econômica Federal em nome dos trabalhadores. O valor do Saque Emergencial é de até R$ 1.045, considerando a soma dos saldos de todas as contas ativas ou inativas com saldo no fundo de garantia.
 
Para evitar aglomerações nas agências bancárias, o calendário seguirá o mês de nascimento do trabalhador. O calendário especifica quando o valor será creditado na conta poupança digital, quando poderão ser utilizados em transações eletrônicas, além da data em que os recursos estarão disponíveis para saques em dinheiro ou transferência para outras contas. Confira: 
Crédito na conta poupança social digital começa a ser pago nesta segunda -feira (29/6) (foto: Divulgação/ Caixa)
Crédito na conta poupança social digital começa a ser pago nesta segunda -feira (29/6) (foto: Divulgação/ Caixa)
 
 

Conta Poupança Social Digital 

 
A Conta Poupança Social Digital é uma poupança simplificada, sem tarifas de manutenção, com limite mensal de movimentação de R$ 5 mil. A movimentação do valor do saque emergencial poderá, inicialmente, ser realizada pelo aplicativo CAIXA Tem, sem custo, evitando o deslocamento das pessoas até as agências.
Após receber o valor na poupança social digital, será possível realizar compras em supermercados, padarias, farmácias e outros estabelecimentos com o cartão de débito virtual e QR Code. O  beneficiário também poderá pagar contas de água, luz, telefone, gás e boletos em geral.
 
A partir da data de disponibilização dos recursos para saque ou transferência, também de acordo com o mês de nascimento, os trabalhadores poderão transferir os recursos para contas em qualquer banco, sem custos, ou fazer o saque do dinheiro nas agências da Caixa, terminais de autoatendimento e casas lotéricas.
 

Cancelamento e desfazimento do crédito automático


Caso o trabalhador não queira receber o saque emergencial, ele pode informar essa opção pelo App FGTS com pelo menos 10 dias antes da data prevista para o recebimento do dinheiro na poupança social digital, conforme o calendário.
 
Após o crédito dos valores na conta poupança social digital, o trabalhador poderá solicitar o seu desfazimento. Os valores retornarão à conta do FGTS devidamente corrigidos, sem prejuízo ao trabalhador. A solicitação de desfazimento do crédito do Saque Emergencial não pode ser desfeita.
 
Se não houver movimentação na conta poupança social digital até 30 de novembro deste ano, o valor será devolvido à conta FGTS com a devida remuneração do período. Se após esse prazo, o trabalhador decidir fazer o saque emergencial, poderá solicitar pelo APP FGTS até 31 de dezembro.

Canais de atendimento 

A Caixa  disponibilizou os seguintes canais de atendimento para o Saque Emergencial FGTS:

         Site fgts.caixa.gov.br:

  • Consultar o valor do saque;
  • Consultar a data em que o recurso será creditado na poupança social digital, conforme calendário;
  • Informar que não deseja receber o valor do saque;
  • Solicitar o desfazimento do crédito feito na poupança social digital. 

        Central de Atendimento CAIXA 111, opção 2:

  • Consultar o valor do saque;
  • Consultar a data em que o recurso será creditado na poupança social digital, conforme calendário. 

          Internet Banking CAIXA:

  • Consultar o valor do saque;
  • Consultar a data em que o recurso será creditado na poupança social digital, conforme calendário;
  • Informar que não deseja receber o valor do saque;
  • Solicitar o desfazimento do crédito feito na poupança social digital.

         APP FGTS

  • Consultar o valor do saque;
  • Consultar a data em que o recurso será creditado na poupança social digital, conforme calendário;
  • Informar que não deseja receber o valor do saque;
  • Solicitar o desfazimento do crédito efetuado na poupança social digital;
 
*Estagiária sob supervisão de Nahima Maciel

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade