Publicidade

Correio Braziliense

Pandemia da covid-19 leva American Airlines a cancelar rota Miami-Brasília

Companhia aérea cancelou outros 18 trechos internacionais


postado em 02/07/2020 22:21 / atualizado em 02/07/2020 22:22

(foto: GREG BAKER)
(foto: GREG BAKER)
Devido aos efeitos da pandemia de covid-19, a empresa aérea American Airlines decidiu encerrar 19 rotas de voos nesta quarta-feira (1º/7). Uma delas é o trecho Miami-Brasília. Em comunicado publicado no site, a companhia norte-americana anunciou os objetivos e as alterações para o segundo semestre deste ano e o primeiro de 2021. 

Além do trecho Miami-Brasília, estão canceladas rotas como Los Angeles-Hong Kong, Chicago-Budapeste, Chicago-Praga e Chicago-Veneza. De acordo com o vice-presidente de planejamento de rede da American, Brian Znotins, durante os últimos anos a companhia dimensionou a rede internacional, interrompendo rotas com baixo desempenho e adicionando destinos de lazer. Contudo, com a chegada do novo coronavírus, a demanda diminuiu significativamente. "Agora, precisamos ser ágeis, criando a rede que nossos clientes desejam."

O principal objetivo da companhia aérea é realinhar toda a rede para melhorar a lucratividade no longo prazo. Diante do que espera ser uma queda de 25% na capacidade de voos internacionais no primeiro semestre de 2021 em relação ao mesmo período de 2019, o foco da American estará em usar a força de hubs estratégicos nos quais podem construir, crescer e lucrar no novo cenário. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade