Cidades

Hospital de campanha do Mané Garrincha registra primeira morte por covid-19

Atualmente, há 168 pacientes internados no hospital instalado no estádia para tratamento da covid-19

Samara Schwingel
postado em 06/07/2020 13:03
 (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
Mais de 550 pessoas passaram pelo local e 419 foram curadas. Atualmente , há 168 pacientes internadosO hospital de campanha do Mané Garrincha resgistrou, neste domingo (5/7), a primeira morte causada pelo novo coronavírus. A Secretaria de Saúde do Distrito Federal confirmou o óbito, mas não divulgou mais dados sobre o paciente.

Em nota, a pasta afirmou que só informa dados consolidados que não permitam a identificação da pessoa. "A Secretaria de Saúde não divulga informações individualizadas dos pacientes. São informados somente dados consolidados, que não permitam identificar a pessoa. Tal divulgação é vedada, conforme disposto na Portaria N; 231, de 8 de abril de 2020."

A pasta ressalta que o hospital de campanha conta com leitos e suprortes necessários para prestar assitência aos pacientes. "A SES ressalta que a unidade conta com 177 leitos de enfermaria e 20 de suporte avançado com monitores cardíacos, bombas de infusão, ventilação mecânica, equipes e insumos para atender a casos graves. Portanto pode receber e prestar assistência a qualquer paciente que necessite desse suporte", detalhou em nota.

Mais de 550 pessoas ficaram internadas na unidade e, dessas, 419 se curaram. Atualmente, há 168 pacientes internados.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação