Cidades

Vigilância Sanitária fiscaliza salões de beleza, barbearias e academias

Objetivo é assegurar medidas de segurança nos salões e academias como forma de combater o coronavírus

Correio Braziliense
postado em 08/07/2020 13:55
 (foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde)
(foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde)
A inspeção será mantida até 17 julhoApós reabertura de salões de beleza, barbearias e academias, em 2 de julho, a Vigilância Sanitária iniciou operação para inspecionar adequação dos estabelecimentos às medidas de segurança. A fiscalização vai até 14 de julho. O objetivo é orientar os proprietários dos estabelecimentos com relação às adequações necessárias e combater a pandemia do novo coronavírus.

;Vamos fiscalizar todas as academias, salões de beleza e barbearias a fim de orientar e verificar se estes estabelecimentos estão cumprindo o que foi determinado no Decreto;, informa a gerente de Fiscalização da Vigilância Sanitária, Márcia Olivé. Entre as medidas de segurança observadas nos estabelecimentos estão a aferição de temperatura de funcionários e clientes, higienização do espaço, utilização de máscaras. ;A higienização do piso e superfícies de contato devem ser realizados regularmente;, destaca Márcia.

[SAIBAMAIS]Em salões de beleza e barbearias, objetos utilizados no trabalho também devem ser limpos ou esterelizados a cada uso. Também é proibida a permanência de clientes e acompanhantes em cadeiras de espera dentro dos estabelecimentos. Outra orientação é evitar revistas expostas para as clientes folhearem e procurar manter uma rotina de higienização constante no chão e superfícies com uma planilha de horários, para que a limpeza seja monitorada e não ultrapasse o tempo de duas horas.

Nas academias, a orientação é que a utilização de catracas e pontos eletrônicos, além de bebedouros e chuveiros sejam suspensos. Os alunos devem manter a distância mínima de dois metros entre um equipamento e outro e ter fácil acesso a produtos específicos de higienização, para limpeza dos equipamentos. Aulas coletivas estão proibidas. "Além disso, a academia deve fechar de uma a duas vezes ao dia para realizar limpeza e desinfecção em todos os ambientes, bem como manter registro no local;, ressalta Márcia.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação