Cidades

UTIs das redes pública e privada serão fiscalizadas pelo TCDF

TCDF quer fiscalizar se as informações divulgadas correspondem à realidade de ocupação dos leitos de UTI

Correio Braziliense
postado em 09/07/2020 18:03
 (foto: Davidyson Damasceno/ASCOM IGESDF)
(foto: Davidyson Damasceno/ASCOM IGESDF)

O TCDF quer transparência nos dados sobre utilização das UTIs no tratamento de covid-19Auditores do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) vão fiscalizar unidades de saúde do Distrito Federal para verificar a transparência dos dados divulgados pelo Governo do Distrito Federal com relação à disponibilidade aos leitos de UTI para pacientes com covid-19.

O objetivo da inspeção é descobrir se as informações divulgadas pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal correspondem à verdade e se são atualizadas na velocidade necessária. A representação foi apresentada pelo deputado Distrital Leandro Grass (REDE). A decisão do TCDF de atender o pedido do parlamentar foi foi unânime.

[SAIBAMAIS]De acordo com o documento obtido pelo Correio, a fiscalização será realizada ;com a urgência que o caso requer, de modo a verificar se os dados alusivos à quantidade de leitos de UTI disponíveis e existentes em toda a Rede (pública e privada) de Saúde do Distrito Federal para tratamento dos pacientes acometidos pelo covid-19, disponibilizados em cumprimento à decisão judicial;.

A Secretaria de Saúde foi procurada, mas ainda não se manifestou sobre a decisão.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação