Cidades

Ricardo Tavares é exonerado da Secretaria de Saúde

Decisão foi divulgada em Diário Oficial. Assume, no lugar, o médico Olavo Medeiros Muller

Thais Umbelino
postado em 10/07/2020 10:55
 (foto: Ana Rayssa/CB/D.A Press)
(foto: Ana Rayssa/CB/D.A Press)

Ricardo Tavares estava no cargo desde janeiro O secretário adjunto de Assistência da Secretaria de Saúde do DF, Ricardo Tavares, foi exonerado do cargo nesta sexta-feira (10/7). No lugar dele assume o médico Olavo Medeiros Muller. A decisão foi publicada em Diário Oficial do DF (DODF).

Ricardo Tavares assumiu a gestão em janeiro deste ano. Em entrevista concedida ao Correio em março, ele comentou sobre a pandemia e dificuldades enfrentadas pela pasta. À época, o número de infectados estava em 311 e as mortes chegavam a 12. A previsão era de que o pico da doença acontecesse em abril. Nesta quinta-feira (9/7), porém, o DF já totalizou 754 mortes pelo novo coronavírus. Desde o início da pandemia, 65.677 foram contaminados pela covid-19.

Conforme o Correio apurou, o motivo da saída do secretário adjunto foi um desentendimentos na pasta. O trabalho realizado por Ricardo não agradava totalmente ao Executivo. O nome de Olavo foi escolhido pela experiência e amplo conhecimento na área médica. Ele é pediatra intensivista, foi um dos fundadores Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e um dos criadores da Central de Regulação da SES/DF.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação