Cidades

Live beneficente reúne profissionais de saúde em roda de samba e MPB

Neste sábado, médicos operam instrumentos musicais para ajudar creche

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 10/07/2020 18:41
 (foto: Divulgação)
(foto: Divulgação)
O cirurgião vascular Manoel Abreu será encarregado da percussãoNeste sábado (11/7), profissionais de saúde deixam o silêncio hospitalar pela batucada boa do samba, a alegria do forró, a ternura do chorinho e a onipresença da música popular brasileira. Doutores e enfermeiro farão uma live beneficente, parte dos recursos serão doados para uma creche.

Participam do grupo a cardiologista Roberta Faria, que amanhã vai abrir o peito cantando. O enfermeiro Luis Fernando Brasil será sua dupla. Em vez de instrumentos cirúrgicos, o especialista em cabeça e pescoço José Costa estará dedilhando um violão de sete cordas. Seu colega Francisco Mitrovick vai ;operar; um bandolim. Dando o ritmo, o cirurgião vascular Manoel Abreu será encarregado da percussão.

Juntos, eles se reúnem numa inusitada parceria com Celia Rabelo, ícone dos palcos brasilienses. Dois músicos profissionais, Rogerinho Córdova, no pandeiro e João Carlos no acordeon, fecham a escala de um plantão para celebrar a vida.

[SAIBAMAIS]Muitos têm relação antiga com a música. Para alguns, vem da infância, por imposição dos pais, para aliviar as tensões ou por puro prazer. Vai ter cantores da noite que viraram doutores, músicos que começaram por obrigação e descobriram o amor a um instrumento e um percussionista de carreira.

A live beneficente tem o apoio do Hospital Águas Claras, que cedeu o espaço para a transmissão do show e enxergou na alegria uma forma mais leve de deixar claro que é parte da cidade onde acabou de chegar.

Parte dos recursos arrecadados com a apresentação será destinado à Creche Formiguinhas, instituição que cuida de crianças carentes. Para acompanhar o show, basta entrar no link https://cutt.ly/koMACFE. O show está marcado para as 19h30 deste sábado (11/7).
[VIDEO1]




Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação