Publicidade

Correio Braziliense

Covid-19: com 615 novos casos, DF tem mais de 67 mil pessoas infectadas

Também foi contabilizado mais sete óbitos pela doença, e o total de vítimas é de 791


postado em 11/07/2020 12:48 / atualizado em 11/07/2020 12:48

(foto: AFP)
(foto: AFP)
O Distrito Federal registrou 615 novos diagnósticos positivos para a covid-19 neste sábado (11/7), e o total de infectados ultrapassa 67 mil. Levantamento da Secretaria de Saúde (SES-DF), atualizado às 12h04, aponta que Ceilândia continua como a região administrativa com mais casos: 8.614 moradores estão contaminados. Em decorrência do aumento de doentes na cidade, o GDF publicou um decreto determinando que somente as atividades consideradas essenciais podem abrir na cidade e no Pôr do Sol e Sol Nascente. 

 

Dados da Saúde mostram que 67.912 pessoas estão com o novo coronavírus no DF. E a taxa de ocupação dos leitos para tratamento dos doentes na rede de saúde é alta: na rede pública é de 74,32% e, na iniciativa privada, de 91,32%.

 

Até o início da tarde deste sábado (11), foram registrados sete óbitos, totalizando 791 mortes pelo novo coronavírus na capital. Se acrescentarmos os moradores de outros estados da Federação que receberam atendimento na capital, o número de mortos sobe para 866, com 75 casos a mais. 

 

Casos por região

Como indicado acima, Ceilândia ocupa o primeiro lugar no ranking de infecções por região administrativa, assim como de mortos, com 170 vítimas. O Plano Piloto está em segundo com 5.098 doentes, mas aparece em quarto no número de óbitos (54).

 

A terceira cidade com mais contaminados é Samambaia, com 4.636 casos. Quanto ao caso de mortos, está em segundo, com 83 moradores locais que perderam a vida na luta contra a covid-19. Taguatinga está em quarta colocação no número de doentes, e em terceiro no número de óbitos, com 4.625 e 74 casos, respectivamente.

 

Ainda segundo balanço divulgado pela Secretaria de Saúde, a região do Gama está em quinto em ambos os rankings, com 3.166 pessoas contaminadas pelo coronavírus e 46 mortos.  

 

Perfil dos infectados

Sobre as pessoas contaminadas na capital federal, a maior parte são mulheres, que representam 52,5% dos casos (35.654) . Homens equivalem a 47,5% (32.258). Além disso, faixa etária com maior número de diagnósticos positivos é de 30 a 39 anos, com 18,43 mil infectados. Depois aparece o grupo com idades entre 40 e 49 anos (15,26 mil) e, então, jovens entre 20 e 29 anos (12,93 mil).

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade