Publicidade

Correio Braziliense

Cinco pessoas morrem em acidente na BR-020, uma das vítimas estava grávida

Segundo o Corpo de Bombeiros de Goiás, dois carros de passeio bateram de frente. Uma mulher grávida de 7 meses, morreu no local


postado em 11/07/2020 14:39 / atualizado em 12/07/2020 11:56

Colisão entre dois carros de passeio deixam pelo menos cinco mortos na BR-020(foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros Militar de Formosa (GO))
Colisão entre dois carros de passeio deixam pelo menos cinco mortos na BR-020 (foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros Militar de Formosa (GO))
A colisão frontal entre dois carros de passeio deixou cinco mortos e duas pessoas gravemente feridas. O acidente aconteceu às 6h30 de hoje (11/7), na BR-020, próximo do trevo de Flores de Goiás, distante 235 km de Brasília.

 

O Corpo de Bombeiros de Goiás não informou os nomes, nem idades das vítimas. Entre os mortos estão três mulheres, uma delas grávida de 7 meses (o óbito do bebê não está na listagem dos mortos informados pelos bombeiros) e um homem. Um idoso e uma criança de 2 foram resgatados com vida. 

 

Segundo os bombeiros, o Colbat seguida de Brasília sentido a Correntina (BA) e era ocupado por três pessoas: o motorista, um passageiro no banco da frente e uma mulher no banco de trás. O veículo tem placa de Brasília, mas, como os nomes das vítimas não foram informados até o fechamento desta edição, não é possível saber se eles são moradores do Distrito Federal. 

 
O Corpo de Bombeiros do DF auxiliou no socorro das vítimas(foto: Divulgação/CBMDF)
O Corpo de Bombeiros do DF auxiliou no socorro das vítimas (foto: Divulgação/CBMDF)
 

O outro carro, um HR-V Ronda, fazia o trajeto Correntina(BA)-Brasília e era ocupado por quatro pessoas: o motorista, uma passageira no banco da frente, a mulher grávida de 7 meses no banco de trás e a criança. No momento do resgate, as duas mulheres já estavam mortas. 

O Correio apurou que o condutor do HR-V Ronda é Francisco Pereira Flor, 61 anos. Ele estava preso às ferragens, com múltiplas fraturas nas pernas. Ainda durante a retirada de Francisco do carro, a equipe de médicos do Serviço Móvel de Atendimento (Samu) fez a medicação e infusão de soro fisiológico. Já a criança, teve fratura na perna e no pé. 

Francisco Pereira foi resgatado pelo helicóptero do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal e trazido para o Hospital de Base, referência em trauma. Já a criança, foi levada, primeiro, para a o hospital de Vila Boa (GO), por uma equipe do Samu. Após receber cuidados médicos, o menino foi transferido para a UPA de Formosa (GO).

De lá, a aeronave dos bombeiros do DF foi acionada mais uma vez, para trazer a criança para o hospital de Base. A rodovia ficou interditada nos dois sentidos por cerca de 7h. Participaram do resgate equipes do Samu e de Bombeiros do DF e de Goiás. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade