Cidades

Suspeito picado por naja chega à delegacia para prestar depoimento

Pedro Henrique Krambeck está preso, temporariamente, na carceragem da Polícia Civil

Darcianne Diogo
postado em 31/07/2020 13:13
O estudante de medicina veterinária foi preso, temporariamente, nesta quarta-feira (31/7)O suspeito picado por uma naja, Pedro Henrique Krambeck Lehmukl, de 22 anos, investigado por integrar um esquema internacional de tráfico de animais exóticos e silvestres, chegou à 14; Delegacia de Polícia (Gama) para prestar depoimento.

O estudante de medicina veterinária foi preso, temporariamente, nesta quarta-feira (29/7), na casa onde reside com a família, no Guará 2, por crimes ambientais. Ele está detido na Divisão de Controle e Custódia de Presos (DCCP), na carceragem da Polícia Civil.

Com a cabeça raspada, Pedro Henrique chegou à unidade policial por volta das 11h. O advogado de defesa compareceu à DP cinco minutos antes. O depoimento já dura duas horas.

Gabriel Ribeiro de Moura, 24, amigo dele, e detido por ocultar provas recebeu liberdade na madrugada desta sexta.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação