Cidades

Corrente de prata leva à prisão de envolvido em cinco crimes

Suspeito tentava vender o objeto na Rodoviária Interestadual. Ainda com etiqueta e código de barras, a corrente de prata havia sido furtada da joalheria de um shopping

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 02/08/2020 21:23

Joia de prata recuperada tinha 925 quilatesUm furto e a consequente negociação ilegal de uma corrente de prata de 925 quilates levou à prisão de um homem de 54 anos à 1; Delegacia de Polícia (Asa Sul). Policiais do Grupamento Tático Operacional (Gtop) 21 encontraram o suspeito com o objeto durante patrulha na Rodoviária Interestadual de Brasília.

Ele tentava vender a joia a outro homem, segundo policiais. Depois de ser abordado e de não dizer como conseguiu a corrente, o suspeito acabou confessando e disse ter furtado o objeto de uma loja em um shopping da área central de Brasília.

O gerente da joalheria não havia se dado conta do crime no momento em que a Polícia Militar entrou em contato e perguntou se havia ocorrido algum furto no local. A joia ainda tinha etiqueta do estabelecimento, com código de barras e valor, segundo a equipe do Gtop 21.

Depois de checarem o estoque, funcionários da loja entraram em contato com os PMs informar que não encontraram uma corrente de prata. O crime foi confirmado a partir de filmagem pelo sistema de monitoramento de câmeras do shopping. O suspeito furtou o objeto enquanto uma funcionária da loja atendia um cliente.

Depois da abordagem, a polícia verificou que o histórico criminal do suspeito. Ele tem antecedentes por três furtos e um roubo em São Paulo, além de outro furto no Distrito Federal. O segundo homem, que tentava comprar a corrente, foi levado à 1; DP para prestar depoimento.

[VIDEO1]

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação