Cidades

Bombeiros retomam buscas por homem que desapareceu no Lago Paranoá

Carlos Eduardo está desaparecido desde sábado (1º/8); equipes de mergulhadores realizam buscas no local

Samara Schwingel
postado em 03/08/2020 09:25
Os militares realizam buscas no local desde sábado (1). Até o momento, Carlos Eduardo não foi encontradoO Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) retomou, na manhã desta segunda-feira (3/8), as buscas pelo advogado Carlos Eduardo Rocha, 41 anos. Ele desapareceu na noite de sábado (1;/8) no Lago Paranoá, após cair ou sair de uma embarcação que estava no local.

A operação para encontrar Carlos Eduardo foram suspensas durante a noite. Mergulhadores do Corpo de Bombeiros voltaram a buscar pelo advogado por volta das 5h30 a partir do posto avançado do CBMDF, no Setor de Clubes SUl.

Cerca de uma hora depois, a equipe recebeu uma informação de que um corpo foi avistado no Setor de Clubes Norte. Porém, militares foram ao local e constataram que se tratava de alarme falso.

Buscas

Desde sábado, o Corpo de Bombeiros está procurando pelo advogado Carlos Eduardo. Porém, sem a possibilidade de realizar buscas mais profundas, as equipes interroperam a operação e retomaram neste domingo (2/8).

Durante o dia, os bombeiros utilizaram moto aquática, lancha e sonar, além de realizar buscas entre a Ponte JK e a Península dos Ministros.

Imprecisão nos dados

Os ocupantes do barco que estava próximo ao Clube Cota Mil, no sábado (1), não sabem informar às autoridades se Carlos Eduardo caiu ou saiu para nadar no Lago. Eles também não sabem dizer em que momento o advogado teria saído da embarcação.

Essa imprecisão nas informações dificulta o trabalho dos militares para solucionar o caso. O Corpo de Bombeiros afirma que irá manter as buscas até que Carlos seja encontrado.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação