Cidades

Grupo aplicava golpe com a venda de sítios e terrenos no DF

Os estelionatários atuavam em vários estados do Brasil além do DF. Três acusados foram presos enquanto tentavam aplicar o golpe em nova vítima

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 03/08/2020 10:45
Agentes apreenderam inúmeros  documentos falsos com o grupoTrês pessoas foram presas acusadas de aplicarem golpes de estelionato no Distrito Federal e em outros estados do Brasil. Agentes da Polícia Civil (PCDF) prenderam o grupo em flagrante e a 35;DP cuida do caso.

Segundo os agentes, os acusados anunciavam, em sites, a venda de sítios ou terrenos em Brasília pelo preço de R$19.999, valor considerado baixo para o mercado. As vítimas entregavam veículos, dinheiro e pedras preciosas ao grupo, como forma de pagamento antecipado pelo sítio.

[SAIBAMAIS]Além disso, os estelionatários também realizavam a venda de terras alheias. Para atrair e convencer as vítimas, eles apresentavam documentos e escrituras falsas.

O trio é de São Paulo e, quando foi preso, estava tentando concluir mais um golpe de cerca de R$100 mil. Todos responderão por organização criminosa, estelionato, uso de documentos falsos e parcelamento irregular de solo urbano.

Com o grupo, a polícia apreendeu um veículo, quatro celulares, pedras preciosas, R$2,2 mil e inúmeros documentos de terra falsos.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação