Cidades

Vídeo ajuda bombeiros a limitar áreas de busca por Carlos Eduardo

O advogado desapareceu na noite deste sábado (1º/8). Com vídeo, os bombeiros puderam ter noção de onde aconteceu o desaparecimento

Samara Schwingel
postado em 04/08/2020 12:30
Holofotes que aparecem no vídeo ajudaram os bombeiros a delimitar a área do desaparecimentoUm vídeo gravado por pessoas que faziam o passeio na lancha em que Carlos Eduardo Marano, 41 anos, estava antes de desaparecer ajudou os bombeiros a limitar melhor a área de buscas. Segundo os militares, é possível identificar o local em que a lancha estava momentos antes de os amigos perceberem que Carlos não estava mais na embarcação.

De acordo com o capitão Daniel Oliveira, do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), caso o vídeo tivesse aparecido antes, os militares teriam evitado realizar buscas em áreas muito distantes. ;Nós estávamos nos baseando no trajeto da lancha, que passou por quase todo o lago. Sabendo onde a embarcação estava no horário próximo ao do sumiço de Carlos, podemos limitar mais as buscas;, diz.

[SAIBAMAIS]No vídeo, cedido por um dos integrantes da embarcação, é possível identificar três holofotes que ficam perto da Península dos Ministros. Segundo o capitão Daniel, o horário condiz com o momento em que Carlos desapareceu.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação