Publicidade

Correio Braziliense

Obesidade e hipertensão comprometem funcionamento dos rins

As doenças são comuns entre os brasileirosl.Acompanhar o nível de creatinina no sangue e adotar hábitos de vida saudáveis evitam que as complicações se agravem


postado em 03/04/2013 06:09



Belo Horizonte — Enfermidades complexas e que podem ser letais, as disfunções renais crônicas atingem cerca de 10 milhões de pessoas no Brasil, segundo o último levantamento da Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), feito em 2011. A estimativa equivale a 50 doentes renais para cada 100 mil habitantes, número inferior ao dos Estados Unidos (110 doentes para 100 mil) e ao do Japão (205/100mil). A pesquisa sugere ainda que a doença renal seja subdiagnosticada, o que significa que milhares de pessoas portam a enfermidade e não sabem.

Segundo a SBN, são 100 mil brasileiros em diálise, com uma taxa de internação hospitalar de 4,6% ao mês (por alguma complicação) e de mortalidade de 17% ao ano — nos Estados Unidos, a mortalidade chega a 25%. O custo anual somente com terapia renal substitutiva (hemodiálise, diálise peritoneal ou transplante) chega a R$ 2 bilhões. E o crescimento do número de pacientes com doença renal crônica é de 10% ao ano.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade