Publicidade

Correio Braziliense

Biólogo cria sacola que se transforma em comida para peixes

Kevin Kumala criou o produto após e observar a imensa quantidade de acúmulo de lixo nos mares


postado em 10/02/2020 06:00 / atualizado em 10/02/2020 02:34

Kevin Kumala desenvolveu uma sacola feita de mandioca (foto: Reprodução/Instagram)
Kevin Kumala desenvolveu uma sacola feita de mandioca (foto: Reprodução/Instagram)
Um dos produtos que mais poluem os oceanos e rios é o plástico, que se tornou uma grande dor de cabeça para os ambientalistas. Para diminuir o impacto negativo desse material no ecossistema, um biólogo da Indonésia desenvolveu uma sacola feita de mandioca, que, ao ser jogada no mar e nos rios, pode servir de alimento para os peixes.

Kevin Kumala conta que criou o produto em viagem a Bali, ilha em que nasceu, após retornar dos Estados Unidos, e observar a imensa quantidade de acúmulo de lixo na região. Kumala possui uma empresa de canudos, sacolas e talheres, todos feitos com materiais biodegradáveis, que se desfazem em até 100 dias.

A sacola foi um dos seus últimos produtos criados.O site da empresa Avani ressalta que, desde 2016, quando foi criada, evitou-se a fabricação de três toneladas de produtos não sustentáveis. “Nós buscamos continuamente nos tornar uma ponte para ajudar e encorajar comunidades e negócios a produzirem iniciativas que gerem um impacto sustentável para o meio ambiente. Encorajando o uso do termo ‘responsável’ como um valor central dos três fatores-chave: reduzir, reutilizar, reciclar”, destaca a página da Avani na internet.

Kumala assinala que suas sacolas são fortes, resistentes e têm a mesma elasticidade das que são feitas de plástico. “Nossos sacos de mandioca de tamanho médio podem transportar até 8 libras (3,5 kg) de produtos secos”, explica, em uma postagem do Instagram da empresa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade