Publicidade

Estado de Minas

Diretora do Festival do Rio vai integrar júri de mostra em Cannes

O júri será presidido pelo cineasta dinamarquês Thomas Vinterberg, e também será composto pelo produtor e distribuidor espanhol Enrique González Macho, pela atriz chinesa Zhang Ziyi e pela francesa Ludivine Sagnier


postado em 30/04/2013 14:29

Paris - A diretora do Festival do Rio, Ilda Santiago, fará parte do júri da mostra oficial "Um Certo Olhar", anunciaram nesta terça-feira (30/4) os organizadores do Festival de Cannes, que começa no dia 15 de maio. O júri dessa mostra, que será presidido pelo cineasta dinamarquês Thomas Vinterberg, é integrado também pelo produtor e distribuidor espanhol Enrique González Macho, pela atriz chinesa Zhang Ziyi e pela francesa Ludivine Sagnier, segundo um comunicado.

Dezoito filmes serão exibidos nesta seção oficial do Festival de Cinema de Cannes, que começa em 16 de maio com a exibição de "The Ring Bling", da diretora americana Sofia Coppola. O Festival também anunciou que a premiada cineasta francesa Agnes Varda será a presidente do júri "Câmera de Ouro".

Leia mais notícias em Diversão&Arte

Varda será acompanhada pela diretora espanhola Isabel Coixet e pelo diretor francês Régis Wargnier. Este prêmio, que homenageia uma obra exibida na mostra "Um Certo Olhar" ou nas mostras paralelas do Festival de Cannes - a Semana da Crítica e a Quinzena dos Realizadores -, será anunciado em 26 de maio, na cerimônia de encerramento do evento.

O cineasta Cacá Diegues presidiu no ano passado o júri da "Câmera de Ouro", que tem 23 filmes em disputa este ano, incluindo seis realizados por mulheres. Varda, viúva do grande cineasta francês Jacques Demy, será acompanhada por Chloé Rolland, crítica de cinema, e pelo cineasta e fotógrafo francês Michel Abramowicz, indicou o comunicado do Festival de Cinema de Cannes.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade