Publicidade

Estado de Minas

Show do Arrigo Barnabé e Vânia Bastos emocionam o público no Clube do Choro


postado em 02/09/2013 22:41 / atualizado em 02/09/2013 23:44

(foto: Carlos Moura/CB/D.A Press)
(foto: Carlos Moura/CB/D.A Press)

Arrigo Barnabé e Vânia Bastos, ícones da vanguarda paulistana, que trouxe novas luzes à música popular brasileira na primeira metade da década de 1980 estão de volta a Brasília cinco anos depois da última apresentação. Os dois fazem o show O canto da cidade grande, no Espaço Cultural do Choro, fazendo uma espécie de retrospectiva da carreira de ambos.

O show teve início às 21h20 e depois de um breve intervalo recomeçou às 22h30. Logo na abertura eles interpretaram um clássico na obra de Arrigo, Cidade Oculta. Já na segunda canção, Sabor de veneno, ambos mostraram o lado performático do seu trabalho. Orgasmo total e Diversão eletrônica são outras composições do artista curitibano, que foram recebidas com muitos aplausos pela plateia, que praticamente lotou o espaço.

Mas houve momentos mais líricos, como a interpretação de Vânia, para Londrina. Do repertório fizeram parte ainda as inéditas Pedra sem cor e Ano bom. Um outro clássico de Arrigo que mexeu com a platéia foi Lenda. Os dois são contemporâneos de Itamar Assunção, que ganhou homenagem no show.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade