Publicidade

Estado de Minas

Projeto de fotografia se inspira no sorriso de anônimos

Com os cliques, Igor Barbosa pretende levar bem-estar ao público


postado em 02/10/2014 07:59 / atualizado em 02/10/2014 11:32

Sorrisos de pessoas comuns é o principal material do projeto Só Ria, do cearense Igor Barbosa. O fotógrafo iniciou a série de imagens no ano passado por conta da união de uma paixão antiga — a fotografia — com a percepção de contagiar a todos com uma simples risada. “Notei o quanto as gargalhadas são capazes de transmitir uma boa emoção e isso sempre se espalhava pelos sets em que eu fotograva”, explica.

Assim, ele criou uma conta em uma rede social de compartilhamento de imagens e começou a colocar retratos de pessoas comuns sorrindo. Pode parecer simplório, mas a maioria das fotografias é arrebatadora. Elas dão uma sensação de bem-estar e uma vontade de rir também.

Leia mais notícias em Diversão e Arte


Os modelos são aqueles que passam de alguma forma na vida de Barbosa. “Não faço uma escolha, sempre que tenho oportunidade convido as pessoas para as fotos. Poucas recusam, e o objetivo do projeto se mostra real quando arranco o sorriso de seus rostos”, destaca Igor Barbosa.

O desafio do projeto está exatamente em clicar o melhor riso. É difícil captar o exato momento de um sorriso sincero. Mas Igor Barbosa tem algumas técnicas para conseguir isso. Ele costuma mostrar imagens anteriores e tentar criar uma intimidade com o fotografado.

“Cito algo engraçado de uma conversa ou alguma história em que já vivemos. Para as pessoas que mal conheço, tenho um truque: sempre peço o melhor sorriso ou até um bem falso, e a pessoa ri dela mesma por reconhecer que está forçando”, diz Barbosa.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade