Publicidade

Estado de Minas

Morre tenor austríaco, aos 85 anos, Waldemar Kmentt

Segundo a Billboard, a causa da morte ainda é desconhecida


postado em 22/01/2015 11:47

O tenor austríaco Waldemar Kmentt morreu nesta quarta-feira (21/1), aos 85 anos, em Viena, na Áustria. A informação, segundo site da Billboard, foi confirmada em comunicado da Ópera Estatal de Viena. A causa da morte ainda é desconhecida.

Foi em Viena que o tenor começou e encerrou a carreira. Dominique Meyer, diretor da Ópera Estatal de Viena, onde Kmentt se apresentou 1.480 vezes, lembrou da "voz inesquecível e grande personalidade", e lamentou a perda de um "membro da família" da companhia de ópera.

Entre os papéis mais populares estão Tamino em A flauta mágica, Jenik em A noiva vendida, e o protagonista homônimo de Os contos de Hoffmann. Ele também se apresentou na Vienna Volksoper e em diversas partes do mundo como Milão, Nova York, Roma, Paris, Amsterdã e Bruxelas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade