Publicidade

Estado de Minas

Prêmio Nobel de Literatura, Günter Grass morre na Alemanha aos 87 anos

O escritor estava internado em uma clínica de Lübeck, norte da Alemanha


postado em 13/04/2015 07:07 / atualizado em 13/04/2015 08:01

Berlim, Alemanha - O alemão Günter Grass, Prêmio Nobel de Literatura e autor de obras como "O Tambor", faleceu nesta segunda-feira aos 87 anos, anunciou sua editora no Twitter.

"O Prêmio Nobel de Literatura Günter Grass faleceu esta manhã aos 87 anos de idade em uma clínica de Lübeck, norte da Alemanha", informou a editora Steidl.

(foto: John Macdougall/AFP)
(foto: John Macdougall/AFP)


O site da editora publicou várias fotografias em preto e branco do escritor com sua imagem "clássica": bigode espesso, cachimbo aceso e óculos sobre o nariz.

Homem de esquerda, polêmico, que nunca deixou de confrontar o país com seu passado nazista, Grass foi o escritor alemão mais conhecido no exterior na segunda metade do século XX.

O porta-voz do ministério das Relações Exteriores afirmou em uma entrevista coletiva que as autoridades alemãs estão "profundamente afetadas" com a notícia "trágica".

O escritor britânico Salman Rushdie expressou no Twitter sua "tristeza". Era "um verdadeiro gigante, um inspirador, um amigo".

Günter Grass foi fotografado tocando um tambor em 7 de Outubro de 2007, em Gdansk, sua cidade natal, onde comemorou o 80º aniversário(foto: Wojtek Jakubowski/AFP)
Günter Grass foi fotografado tocando um tambor em 7 de Outubro de 2007, em Gdansk, sua cidade natal, onde comemorou o 80º aniversário (foto: Wojtek Jakubowski/AFP)


"Toca o tambor por ele, pequeno Oskar", escreveu, em referência ao herói de "O Tambor", um sucesso mundial que foi adaptado para o cinema por Volker Schloendorff e premiado com a Palma de Ouro em Cannes e o Oscar de filme em língua estrangeira.

Quando a obra foi publicada em 1959, a revista Der Spiegel escreveu: "Deu origem, em um libro, à literatura alemã do pós-guerra. Sem as intervenções incessantes de Grass no debate público, a Alemanha seria outra Alemanha", completou a publicação.

Entre suas obras, escritas em uma linguagem exuberante, mas precisa, repletas de fantasia e de ironia, estão "A Ratazana", "Passo de Caranguejo", "Meu Século" e "Um Campo Vasto" (que provocou grande polêmica na Alemanha).

Leia mais notícias em Diversão e arte

Grass nasceu em 16 de outubro de 1927 em Dantzig, que mudou de nome para Gdansk, na atual Polônia. Ele era filho de uma mãe que pertencia à minoria eslava da Prússia e de um pai alemão. Um livro de condolências será aberto na casa de Grass, em Lübeck.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade