Publicidade

Estado de Minas

Rapper americano Chinx é assassinado em Nova York

O rapper se tornou um sucesso no mundo do hip-hop com "I'm a Coke Boy"


postado em 17/05/2015 17:26

O rapper Chinx de Nova York, que ganhou fama com seus versos sobre suas obscuras experiências como traficante de drogas, foi morto a tiros neste domingo.

O assassinato ocorreu esta madrugada, no Queens. O músico, de 31 anos, estava dirigindo seu carro quando um motorista atirou contra ele, segundo a polícia.

Chinx, cujo verdadeiro nome é Lionel Pickens, foi declarado morto pouco depois no hospital. Seu passageiro também foi ferido no tiroteio e está internado. Nenhum suspeito foi preso e o motivo do ataque é desconhecido.

"Chinx era um dos mais talentosos, profissionais e decididos rappers que esta indústria tinha para oferecer", declarou Chanel Rae em um comunicado no qual confirmou sua morte.

O rapper se tornou um sucesso no mundo do hip-hop com "I'm a Coke Boy", lançado em 2012 e gravado com seu mentor, o americano de origem marroquina French Montana.

 

Leia mais notícias em Diversão & Arte 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade