Publicidade

Estado de Minas

Guitarrista e violonista Pedro Martins participará de festival em Montreux

O jovem de 21 anos foi selecionado para um dos mais prestigiosos festivais do mundo


postado em 01/06/2015 08:02

Pedro Martins tocará no festival ao lado de Caetano Veloso, Gilberto Gil, George Benson e Santana(foto: Karina Santiago/Divulgação)
Pedro Martins tocará no festival ao lado de Caetano Veloso, Gilberto Gil, George Benson e Santana (foto: Karina Santiago/Divulgação)

Brasília terá um representante no mais tradicional encontro de músicos da Europa. O guitarrista e violonista Pedro Martins, 21 anos, morador do setor Ponte Alta Norte do Gama, participará da 49ª edição do Montreux Jazz Festival, na Suíça. De 7 a 9 de julho, ele estará lado a lado com nomes consagrados das músicas brasileira e internacional como Caetano Veloso, Gilberto Gil, George Benson, Santana, Lenny Kravitz, Tony Bennet e Lady Gaga.

Ao concorrer com instrumentistas de várias partes do mundo, Pedro foi selecionado como um dos 10 finalistas da mostra Socar Guitar Competition — uma das frentes do evento. Para se inscrever, ele enviou o registro de três composições (as autorais Naked blues e Terra da alma, além de um solo de guitarra do clássico Água de beber, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes) e o currículo. O vencedor da disputa será premiado com 5 mil francos suíços, gravará um disco naquele país e será convidado para o festival em 2016.

“Vivo, desde agora, uma expectativa muito grande. Estarei presente, profissionalmente, num dos festivais de música mais importantes do planeta, poderei divulgar o meu trabalho em escala internacional, fazer contatos valiosos e, quem sabe, gravar um disco na Europa. Isso, sem falar, da convivência com artistas galácticos, que estarão em Montreux”, afirma Pedro.

Ensaios

O jovem guitarrista soube que havia sido selecionado há duas semanas e, a partir dali, passou a se dedicar ainda mais aos ensaios, para que possa fazer uma grande performance e conquistar a atenção e os votos dos jurados. O paulista Leandro Pellegrino, há dois anos, foi o único brasileiro a vencer a mostra. Anteriormente, em 2005, Diego Figueiredo, ex-integrante da banda brasiliense Squema Seis e hoje um instrumentista conceituado, ficou em terceiro lugar.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade