Publicidade

Estado de Minas

Centenário de Orlando Silva arrebata jovens

Márcio Gomes e Zé Guilherme são alguns dos artistas que optaram por celebrar, na carreira, o grande ídolo da era do rádio


postado em 19/11/2015 07:42

(foto: Reprodução da internet)
(foto: Reprodução da internet)

Para o pesquisador, escritor e produtor Zuza Homem de Mello, Orlando Silva foi o maior cantor da época de ouro do rádio. Segundo ele, o artista, que tem o centenário comemorado neste ano, “mesmo sendo um intérprete romântico, cantou samba, marchinha carnavalesca e, claro, canções que entraram para a antologia da música popular brasileira”.
Zuza lembra que, em 1978, produziu um álbum intitulado Orlando Silva, no qual reuniu gravações originais do “cantor das multidões”, entremeadas de comentários feitos pelo cantor, “extraídos de uma entrevista que durou dois dias”. Como não poderia deixar de ser, trata-se de um registro que se transformou em peça rara de colecionador.
O pesquisador paulistano destacou ainda o quanto Orlando continua sendo admirado por cantores de outras gerações. “O João Gilberto, por exemplo, em seus discos anteriores à bossa nova, interpretou músicas que ficaram pouco conhecidas, de forma muito parecida à do seu ídolo”, revela o pesquisador.

 

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade