Publicidade

Estado de Minas

Personalidades lamentam a morte de David Bowie

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, fez uma homenagem pouco antes da confirmação da morte


postado em 12/01/2016 07:31

Fãs homenagearam o britânico com flores e velas em frente ao edifício em que o artista morava(foto: Spencer Platt/Getty Images/AFP)
Fãs homenagearam o britânico com flores e velas em frente ao edifício em que o artista morava (foto: Spencer Platt/Getty Images/AFP)

 

A morte do camaleão britânico repercutiu em todas as esferas, até na política. O primeiro-ministro britânico, David Cameron, fez uma homenagem pouco antes da confirmação da morte. Cameron disse que Bowie era um gênio e que cresceu ouvindo o repertório do músico. “Era um mestre da reinvenção, sempre fazendo a coisa certa. Uma grande perda”, disse o primeiro-ministro. O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Jens Stoltenberg, lembrou alguns álbuns do cantor, como Hunky Dory, Ziggy Stardust, Low, Heroes e comentou: “O último álbum de David Bowie está escrito, mas as melodias vão ficar para sempre. Uma verdadeira lenda”.

Mas foi no mundo da música que a morte de David Bowie causou mais comoção. Tony Visconti, produtor de vários discos do artista, incluindo o último, Blackstar, fez um depoimento emocionado no Facebook. “Ele sempre fez o que quis. E ele queria fazer do jeito dele e queria fazer do melhor jeito. Sua morte não foi diferente de sua vida — um trabalho de arte”, escreveu Visconti.

Quando Bowie foi recebido no Hall da Fama do Rock, em 1996, Madonna foi a mestre de cerimônias. No discurso de entrega do título, ela lembrou que fugiu de casa aos 15 anos para assistir a um show de Bowie. Foi a primeira vez que a cantora esteve em um show de rock. “Eu voltei para casa como uma nova mulher, como vocês podem ver, e meu pai não estava dormindo. Ele sabia exatamente onde eu havia estado e brigou comigo pelo resto do verão. Mas valeu cada minuto”. No Twitter, Madonna escreveu: “Tive muita sorte de te conhecer”.

Paul McCartney foi outro que se manifestou no Twitter. “Muito tristes as notícias ao acordar hoje de manhã. David era uma grande estrela e os momentos que passamos juntos são um tesouro. Sua música teve um papel muito importante na história da música britânica e tenho orgulho de pensar na grande influência que ele teve em muitas pessoas ao redor do mundo”, escreveu McCartney. O amigo e cantor Iggy Pop também postou uma mensagem emocionado. “A amizade com David era a luz da minha vida. Nunca encontrei uma pessoa tão brilhante, escreveu Iggy.

Não demorou muito para Bowie estar no topo dos trend topics do Twitter. Na manhã de ontem, várias celebridades postaram frases de pesar. “Eu perdi um herói”, disse o ator Ricky Gervais. O rapper e produtor americano Kanye West também se manifestou. “David Bowie foi uma de minhas mais importantes inspirações, ele nos deu mágica para uma vida”, escreveu. (NM)


Discos essenciais
» Space oddity (1969)
» Hunky dory (1971)
» The rise and fall os Ziggy Stardust and the spiders from Mars (1972)
» Young americans (1975)
» Station to station (1976)
» Heroes (1977)
» Lodger (1979)
» Scary monsters (1980)
» Let’s dance (1983)
» Blackstar (2016)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade